Jorge Machado (carateca)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Jorge Emanuel Oliveira Machado (Santo Tirso, 17 de maio de 1986). É um ex-atleta de karate, disciplina de kumite (combate). Atualmente atua como treinador na Federação Nacional de Karate – Portugal[1] e Embaixador para a ética no desporto no âmbito[2] do PNED e IPDJ.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Jorge Machado, atleta de renome de Santo Tirso, natural de Caldas de Vizela e nascido na cidade berço, Guimarães, a 17 de maio de 1986, residente em Vila das Aves desde a sua infância, é o atleta do concelho com mais títulos de campeão nacional.

Iniciou-se na modalidade de karate em 96, tendo anteriormente passado pelo futebol, no Clube Desportivo das Aves e atletismo, na Associação de Moradores do Complexo Habitacional de Ringe.

Carreira Desportiva[editar | editar código-fonte]

Jorge Machado apresenta um percurso distinto na modalidade[3], do qual podemos destacar o facto de ser cinturão negro de karate Shotokan, campeão nacional de combate por 14 vezes[4][5], vencedor do open de Portugal[6], por duas vezes, e vencedor de inúmeros torneios e competições nacionais[7]. Foi ainda campeão nacional universitário[8] e múltiplas vezes campeão regional.

Foi membro da seleção nacional entre os anos de 2003 e 2012 (ano em que abandonou a carreira desportiva)[9].

A nível internacional, destacam-se os seguintes resultados:

  • 14º no Ranking Mundial da WKF em -67 (2011)[10]
  • 5º Lugar no Campeonato do Mundo (2003)[11][1]
  • 7º Lugar no Campeonato da Europa Universitário (2007)[12]
  • 7º Lugar no Campeonato da Europa (2011[13] e 2012)
  • 9º Lugar no Campeonato do Mundo (2012)[14]
  • Medalha de Bronze Golden League Itália (2011)[15]
  • 5º Lugar Golden League Itália (2010)
  • 9º Lugar Golden League Paris (2011)
  • Medalha de Bronze Campeonato da Europa de Karate Shotokan (2003 e 2009)[16][17];

Ex-atleta de alto rendimento, com estatuto atribuído pelo Instituto do Desporto de Portugal (IDP), atual IPDJ[18], foi condecorado com a Medalha de Mérito Desportivo pela Câmara Municipal de Santo Tirso e recebeu um voto de louvor da Câmara Municipal de Vizela.

Em 2003, recebeu o Prémio de Personalidade do Ano, atribuído pela Confederação do Desporto de Portugal.[19]

Em 2012, foi nomeado Embaixador para a Ética no Desporto, pelo PNED/IPDJ, tendo em 2015 aceite o cargo de Selecionador Regional[20] da Seleção Nacional de Karate de Portugal da FNK-P, lugar que ocupa até à presente data, conjuntamente com o cargo de treinador de vários clubes[21][22][23].

Atualmente, conjuntamente com o PNED, percorre o país em palestras e ações sobre o tema da ética e valores no desporto.

Em 2019, foi agraciado com uma menção honrosa na 7ª edição do prémio de imprensa "Desporto com ética/2018", atribuído na cerimónia anual de entrega de prémios do CNID[24].

Em 2020, ganhou o 2º prémio na 8ª edição do prémio de imprensa "Desporto com ética/2019".[24].


Profissão[editar | editar código-fonte]

Paralelamente à sua carreira desportiva, Jorge Machado licenciou-se em Direito, pela Faculdade de Direito da Universidade do Porto, é Pós Graduado em Gestão Autárquica e Mestre em Gestão Desportiva, pela FADEUP.

Tem por experiências profissionais o exercício da profissão de advogado, gestor e consultor.

É jurista de profissão e autor do livro "Planos estratégicos de desenvolvimento desportivo municipal" editado pela Prime Books e Livro da Mão, em junho de 2020.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Página oficial.


  1. «www.fnkp.pt/praticantes/». Consultado em 19 de junho de 2019 
  2. http://www.pned.pt/media/2524/lista-embaixadores-pned-actualiz.mar%C3%A7o2019.pdf
  3. «Maior aula de Karaté». Câmara Municipal de Guimarães. 25 de maio de 2013. Consultado em 19 de junho de 2019 
  4. «CLUBE DE KARATÉ DA MAIA COM MAIS TÍTULOS NACIONAIS». Jornal Primeira Mão 
  5. «RESULTADOS – Camp. Nacional de Karate Cad. e Jun». Consultado em 19 de junho de 2019 
  6. «Jorge Machado (...) 1º karateca Avense a vencer o Open de Campeões». 14 de fevereiro de 2009. Consultado em 19 de junho de 2019 
  7. «Jorge Machado venceu o Kumite em menos 75kg e na categoria Open, fez uma prova irrepreensível, foi o atleta do torneio, com toda a gente presente no pavilhão a incentivar e aplaudir». 25 de abril de 2009. Consultado em 19 de junho de 2019 
  8. «TORNEIO NACIONAL UNIVERSITÁRIO DE KARATE - Jorge Machado o Grande Vencedor». 2 de maio de 2009. Consultado em 19 de junho de 2019 
  9. «O Campeão Jorge Machado abandona o Karaté». Santo Tirso Digital. 21 de setembro de 2015. Consultado em 19 de junho de 2019 
  10. «Ranking» 
  11. «World Karate Federation» 
  12. «CAMPEONATO EUROPEU UNIVERSITÁRIO DE KARATÉ - 16 a 19 Julho». Consultado em 19 de junho de 2019 
  13. «Da participação nacional destacam-se ainda os sétimos lugares alcançados por Jorge Caeiros em kata e Jorge Machado em ?67kg.» 
  14. «Karaté: Portugal foi 9.º em combate por equipas nos Mundiais». Jornal Record. 24 de novembro de 2012. Consultado em 19 de junho de 2019 
  15. «Karate Records». Consultado em 19 de junho de 2019 
  16. «Campeonato da Europa de Karate ESKA, Sunderland (Inglaterra)». 2003. Consultado em 19 de junho de 2019 
  17. «CAMPEONATO EUROPEU DE KARATE SHOTOKAN - Jorge Machado no Pódio». 29 de novembro de 2009. Consultado em 19 de junho de 2019 
  18. «Jorge Machado Homenageado pelo Centro Português de Karate e reconhecido pelo IDP». R.S.P. By André Sousa. 4 de agosto de 2011. Consultado em 19 de junho de 2019 
  19. «Gala 2003 - Personalidade do Ano». Consultado em 21 de junho de 2019 
  20. «Jorge Machado Selecionador Regional da Seleção Nacional». Jornal do Ave 
  21. «Jorge Machado orientou a equipa de atletas que representaram Portugal no Troféu Internacional San Francisco Teo». Jornal do Ave. 7 de novembro de 2018. Consultado em 19 de junho de 2019 
  22. «Karate AR Rebordões continua a brilhar». Santo Tirso TV. 30 de abril de 2019. Consultado em 19 de junho de 2019 
  23. «Karaté Dojo de Santa Eulália com Vice Campeão Nacional». Rádio Vizela. 30 de abril 2019. Consultado em 19 de junho de 2019 
  24. a b «Prémio de Imprensa "Desporto com Ética/2019"». PNED. Consultado em 29 de maio de 2020