Kristýna Plíšková

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Tenista Kristýna Plíšková
Wimbledon 2010 Girls Doubles - Kristyna Pliskova.jpg
Kristýna Plíšková
País  República Checa
Residência Louny, Rep. Tcheca
Data de nascimento 21 de março de 1992 (26 anos)
Local de nasc. Louny, Rep. Tcheca
Altura 1,84 m
Mão Canhota
Prize money $1,776,596
Simples
Vitórias-Derrotas 351–285
Títulos 0 WTA, 7 ITF
Melhor ranking N° 86 (28 de Janeiro de 2013)
Resultados de Grand Slam
Open da Austrália 2R (2013)
Roland Garros 1R (2013)
Wimbledon 3R (2015)
US Open 2R (2012)
Duplas
Vitórias-Derrotas 136–121
Títulos 3 WTA, 6 ITF
Melhor ranking N° 51 (15 de Setembro de 2014)
Resultados de Grand Slam de Duplas
Roland Garros 2R (2015)
Wimbledon 1R (2014)
US Open 1R (2012, 2014)
Torneios principais de duplas
Última atualização em: 11 de julho de 2015.

Kristýna Plíšková (Louny, 21 de Março de 1992) é uma tenista profissional tcheca.[1] Ela tem uma irmã gêmea que joga o Circuito, Karolina Pliskova.[2]

Como profissional tem como ranking mais alto o 86º lugar e seu melhor resultado em Grand Slam foi a terceira rodada do Torneio de Wimbledon em 2015. A tcheca é irmã mais nova da também tenista Karolina Pliskova e tal como a irmã foi número um mundial de juniores. Ambas foram campeãs juvenis de Grand Slam no ano de 2010, sendo que Karolina ganhou o Australian Open da categoria e Kristyna conquistou Wimbledon.[3]

Em 2016, Kristyna Pliskova viveu altos e baixos no Australian Open. Algoz da australiana Samantha Stosur na primeira rodada do Grand Slam australiano, ela disparou 31 aces na segunda rodada do torneio e entrou para a história ao bater o recorde de aces no circuito feminino, que antes era da alemã Sabine Lisicki com 27, na segunda rodada do torneio WTA de Birmingham, em 2015. Mas mesmo assim, Kristyna Pliskova amargou a eliminação do Australian Open ao perder este jogo de 2h20min para a porto-riquenha Monica Puig, que salvou cinco match points e venceu com as apertadas parciais de 4/6, 7/6 (8-6) e 9/7. É um recorde que não me diz nada. Preferia ter feito menos 10 aces e ganhar o encontro. Estou desapontada”, confessou no final do encontro, questionada sobre o seu novo feito.[4]

WTA finais[editar | editar código-fonte]

Duplas (3–1)[editar | editar código-fonte]

Legenda
Grand Slam (0–0)
WTA Tour (0–0)
Premier Mandatory & Premier 5 (0–0)
Premier (0–0)
International (3–1)
Finais por Piso
Duro (2–0)
Saibro (1–1)
Grama (0–0)
Carpete (0–0)
Posição N. Data Torneio Piso Parceira Oponentes Placar
Vice 1. 14 Julho 2013 Internazionali Femminili di Palermo, Palermo, Itália Saibro República Checa Karolína Plíšková França Kristina Mladenovic
Polónia Katarzyna Piter
1–6, 7–5, [8–10]
Campeã 1. 13 Outubro 2013 Generali Ladies Linz, Linz, Áustria Duro (i) República Checa Karolína Plíšková Canadá Gabriela Dabrowski
Polónia Alicja Rosolska
7–6(8–6), 6–4
Campeã 2. 13 Julho 2014 Gastein Ladies, Bad Gastein, Áustria Saibro República Checa Karolína Plíšková Eslovénia Andreja Klepač
Espanha María Teresa Torró Flor
4–6, 6–3, [10–6]
Campeã 3. 14 Setembro 2014 Hong Kong Open, Hong Kong Duro República Checa Karolína Plíšková Áustria Patricia Mayr-Achleitner
Austrália Arina Rodionova
6–2, 2–6, [12–10]

Junior Grand Slam finais[editar | editar código-fonte]

Simples[editar | editar código-fonte]

Posição Ano Campeonato Piso Oponente Placar
Campeã 2010 Wimbledon Grama Japão Sachie Ishizu 6–3, 4–6, 6–4

Referências

  1. «Perfil na WTA» (em inglês). WTA. Consultado em 27 de abril de 2015 
  2. «Karolina Pliskova conquista primeiro título da carreira | Gaúcha 2016». Gaúcha 2016. Consultado em 20 de janeiro de 2016 
  3. «TenisBrasil - Tcheca faz 31 aces e bate recorde, mas é eliminada». TenisBrasil, a cobertura completa do circuito do tênis está aqui. Consultado em 20 de janeiro de 2016 
  4. «Kristyna Pliskova bate recorde de ases (31!) mas… acaba eliminada». Bola Amarela. Consultado em 20 de janeiro de 2016