Kurt Zeitzler

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Kurt ZeitzlerCombatente Militar
Bundesarchiv Bild 101I-185-0118-14, Oberst Kurt Zeitzler.jpg
Nascimento 9 de junho de 1895
Heideblick, Província de Brandemburgo
Império Alemão
Morte 25 de setembro de 1963 (68 anos)
Aschau, Rosenheim
Alemanha Ocidental
País Flag of the German Empire.svg Império Alemão
Alemanha República de Weimar
Alemanha Nazi Alemanha Nazista
Força Wehrmacht
Anos em serviço 1914–45
Hierarquia Generaloberst (Coronel-general)
Batalhas/Guerras Primeira Guerra Mundial
Segunda Guerra Mundial
Condecorações Cruz de Cavaleiro da Cruz de Ferro

Kurt Zeitzler (9 de junho de 1895 – 25 de setembro de 1963) foi um dos chefes do Estado-Maior da Wehrmacht, as forças armadas da Alemanha Nazista, durante a Segunda Guerra Mundial.[1][2]

Zeitzler serviu em posições de comando logo no começo da Segunda Guerra. Em setembro de 1942, ele foi selecionado por Adolf Hitler para o Estado-Maior General da Alemanha, substituindo o general Franz Halder. Zeitzler, assim como seu predecessor, brigava com Hitler com certa frequência e em julho de 1944 se aposentou, alegando motivos de doença. Ele era considerado um oficial energético e eficiente, notável por sua habilidade de manusear grandes formações móveis de combate. Após a guerra foi feito prisioneiro por forças britânicas, sendo solto em 1947. Ele foi testemunha nos Julgamentos de Nuremberg.[3]

Referências

  1. Fellgiebel, Walther-Peer (2000) [1986]. Die Träger des Ritterkreuzes des Eisernen Kreuzes 1939–1945 — Die Inhaber der höchsten Auszeichnung des Zweiten Weltkrieges aller Wehrmachtteile (em alemão). Friedberg, Alemanha: Podzun-Pallas. ISBN 978-3-7909-0284-6 
  2. Liddell Hart, B.H. The German Generals Talk. New York, NY: Morrow, 1948.
  3. "Kurt Zeitzler : Nazi Germany - Spartacus Educational". Página acessada em 9 de dezembro de 2017.
Ícone de esboço Este artigo sobre tópicos militares é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.