Lala Deheinzelin

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Lala Deheinzelin
Nascimento 26 de outubro de 1958 (63 anos)
São Paulo
Cidadania Brasil
Ocupação atriz

Lala Deheinzelin (São Paulo, 26 de outubro de 1958) é uma mobilizadora sociocultural e consultora em economia criativa[1][2] brasileira, popularmente conhecida por seu trabalho como atriz, apresentadora e produtora cultural nas décadas de 1980 e 1990.

Coordenadora do movimento Crie Futuros, em 2012 editou com este o livro Desejável Mundo Novo.[3] É curadora da categoria Ideia do Movimento HotSpot[4].

Trabalhos no cinema[editar | editar código-fonte]

Trabalhos na televisão[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. Débora Spitzcovsky (4 de setembro de 2009). «Lala Deheinzelin é exemplo de cultura e desenvolvimento». Planeta Sustentável. Consultado em 2 de outubro de 2012 
  2. Isabela Vieira (30 de junho de 2007). «Brasil precisa reconhecer seus próprios padrões de beleza, avalia consultora da ONU». Agência Brasil. Consultado em 2 de outubro de 2012 
  3. Marina Franco (21 de maio de 2012). «Movimento Crie Futuros lança livro para inspirar líderes da Rio+20». Super Interessante - Planeta Sustentável. Consultado em 12 de junho de 2013 
  4. Lista de Curadores do Movimento HotSpot
Ícone de esboço Este artigo sobre sobre uma atriz é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.