Lantana camara

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa


Como ler uma caixa taxonómicaLantana camara
Flor de Lantana camara

Flor de Lantana camara
Classificação científica
Domínio: Eukaryota
Reino: Plantae
Divisão: Magnoliophyta
Classe: Magnoliopsida
Ordem: Lamiales
Família: Verbenaceae
Género: Lantana
Espécie: L. camara
Nome binomial
Lantana camara
Flores de Lantana camara

A Lantana camara, conhecida popularmente como camará, cambará, camará-de-cheiro, camará-de-espinho, cambará-de-cheiro, cambará-de-chumbo, cambará-de-espinho, cambará-miúdo, cambará-verdadeiro e cambará-vermelho, é um arbusto ornamental da família das verbenáceas.[1] Cobre grandes áreas nas Américas Central e do Sul, seu habitat natural. Está presente na bandeira da Espanha.

Etimologia[editar | editar código-fonte]

"Camará" e "cambará" procedem do termo tupi caa ("planta") mbaraá ("enfermidade") e reflete seu valor medicinal.[2]

Descrição[editar | editar código-fonte]

A planta apresenta folhas grossas, pilosas e aromáticas. As flores são pequenas, numerosas, tubulosas, vermelhas ou violáceas.[1] A Lantana camara é reconhecidamente tóxica, e a ingestão de quantidades aproximadas de 40g/kg de peso animal, em dose única, pode levar ao óbito de bovinos, por exemplo.[3]

Espécie invasora[editar | editar código-fonte]

Como espécie invasora, tem colonizado novas áreas através de dispersão de sementes por pássaros — uma vez alcance uma área, rapidamente se espalha. Ela se desenvolve tão rápido que os esforços para sua erradicação têm falhado completamente.

A planta transformou-se num sério obstáculo para a regeneração natural das espécies nativas nas regiões onde não é encontrada naturalmente.[4]

Referências

  1. a b FERREIRA, A.B.H. (1986). Novo dicionário da língua portuguesa, 2ª edição Nova Fronteira [S.l.] p. 324. 
  2. Adm. do IHGRS (1941). Revista do Instituto Histórico e Geográphico do Rio Grande do Sul, volume 21,Parte 3 Edit. própria [S.l.] 
  3. F. J. Abreu Matos; et al. (2011). Plantas Tóxicas: Estudos de Fitotoxicologia Química de Plantas Brasileiras Instituto Plantarum de Estudos da Flora [S.l.] pp. 175–176. ISBN 85-86714-37-5. 
  4. Khanna, L.S. (1977). Principles and Practice of Silviculture Ed. própria [S.l.] p. 473. 
Commons
O Commons possui imagens e outras mídias sobre Lantana camara
Wikispecies
O Wikispecies tem informações sobre: Lantana camara