Los Borrachos del Tablón

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book-4.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo, o que compromete a verificabilidade (desde Dezembro de 2008). Por favor, insira mais referências no texto. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

Los Borrachos del Tablón é a principal barra brava do Club Atlético River Plate. Foi fundada nos anos 60. É uma das barras bravas argentinas mais famosas em todo mundo e uma das mais fortes do futebol argentino[1] [2] e sul-americano, juntamente com "La Barra Del Rojo" do Independiente, "La 12" do Boca Juniors, La Guardia Imperial do Racing Club e La Gloriosa Butteler do San Lorenzo de Almagro

Os seus principais meios de financiamento incluí a revenda de bilhetes para os jogos, venda de droga e funcionam como grupo de choque para alguns partidos políticos.

Ultimamente esta barra brava é marcada por uma guerra interna pela liderança. Esta guerra é disputada pelos dois grupos principais: o grupo dos irmãos Alan e William Schlenker e Adrien Rosseau. Estes acontecimentos não clarificaram a liderança e foram agravados pelo assassinato no dia 9 de Agosto de 2007, de um elemento da barra brava e braço direito do líder de um dos grupos. Apesar desta situação os confrontos continuam e ficaram marcados pela existência de dois feridos e destruição dos pneus de viaturas pertencentes a jogadores, dirigentes e equipa técnica logo após a derrota para o Racing Club.

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre Torcida é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.