Luís IX da Baviera

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Luís IX, o Rico
Duque da Baviera
(1417-1479)
Ludwig der Reiche, Herzog von Bayern
Nascimento 23 de fevereiro de 1417
Burghausen,  Alemanha
Morte 18 de janeiro de 1479
Landshut,  Alemanha
Nacionalidade  Alemanha
Ocupação Duque da Baviera-Landshut e fundador da Universidade de Ingolstadt
Alma mater Universidade de Ingolstadt

Luís IX da Baviera, conhecido como o Rico (Burghausen, 23 de Fevereiro de 1417Landshut, 18 de Janeiro de 1479) foi duque da Baviera (1450) e um dos filhos de Henrique XVI, o Rico (1386-1450)[1] e de Margarida da Áustria (1395-1447)[2]. Foi também o fundador da Universidade de Ingolstadt.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Luís, o Rico, sucedeu a seu pai em 1450. Ele era o segundo dos três duques famosos e ricos, que reinaram o ducado da Baviera-Landshut no século XV. Sua residência ficava no Castelo Trausnitz, em Landshut, uma fortaleza com dimensões palacianas.

Desde que Luís invadiu as cidades imperiais de Dinkelsbühl e Donauwörth em 1458, ele disputou com Frederico III, Imperador do Sacro Império Romano-Germânico, até que a paz foi assinada na cidade de Praga, em 1463. Em 1462, Luís havia derrotado seu inimigo Alberto III de Brandemburgo (1414-1486), que tentava estender suas influências para a Francônia, durante a Batalha de Giengen. Luís expulsou todos os judeus que recusaram o batismo durante o seu ducado.

Em 1472, Luís fundou a Universidade Luís Maximiliano, em Ingolstadt, que foi transferida em 1800 para Landshut e finalmente para Munique. Em 1475, ele organizou o casamento de Landshut de seu filho Jorge com a princesa Jadwiga da Polônia, filha de Casimiro IV, uma das festas mais maravilhosas já realizada durante a Idade Média.

Família[editar | editar código-fonte]

Em 1452, Luís casou com a princesa Amália da Saxônia (1436–1501)[3], filha de Frederico II, príncipe-eleitor da Saxônia (1412-1464) com quem teve quatro filhos:

Veja também[editar | editar código-fonte]

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

Referências[editar | editar código-fonte]