Manejo sustentável

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Manejo de floresta na Escócia

O manejo florestal sustentável,[1] é um modelo que permite a exploração racional com técnicas de mínimo impacto ambiental sobre os elementos da natureza.[2] Uma floresta manejada continuará oferecendo suas riquezas para as gerações futuras, pois a madeira e seus outros produtos são recursos renováveis.

O manejo florestal sustentável prioriza a permanência da floresta "em pé", já que sua existência é o que garante a sobrevivência econômica da atividade florestal. Também possibilita que as populações nativas vivam dos recursos proporcionados pela própria floresta, evitando sua derrubada e contribuindo para que a floresta seja preservada, ao mesmo tempo que lhe confere um valor econômico.

Considera-se o manejo florestal uma parte importante para o sucesso de se manter a qualidade de vida.[3] Tal modelo pode ser aplicado a todos os aspectos individuais. Práticas empresariais devem ser sustentáveis, se desejam permanecer nos negócios atualmente, porque se o negócio é insustentável, então pela definição de sustentabilidade deixarão de serem capazes de estar em competição. Comunidades estão em uma necessidade de gestão sustentável, porque se a comunidade está a prosperar, em seguida, a gestão deve ser sustentável.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Operações:O manejo florestal sustentável». Amata Brasil. Consultado em 4 de agosto de 2011. 
  2. «O bom manejo florestal». RP Portal. Consultado em 4 de agosto de 2011. 
  3. «O manejo sustentável da floresta amazônica». Portal Uai. Consultado em 4 de agosto de 2011. 
Ícone de esboço Este artigo sobre ambiente é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.