Mogens Frey

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Mogens Frey
Mogens Frey 1967.jpg
Mogens Frey no Campeonato Mundial de 1967
Informação pessoal
Nome nativo Mogens Frey Jensen
Nascimento 2 de julho de 1941 (78 anos)
Glostrup, Dinamarca
Estatura 1,76 m
Cidadania  Dinamarca
Ocupação Ciclista desportivo (d)Visualizar e editar dados no Wikidata
Informação equipa
Disciplina Pista
Função Ciclista

Mogens Frey Jensen (nascido em 2 de julho de 1941) é um ex-ciclista dinamarquês que participava em competições do ciclismo de pista.

Frey ganhou, juntamente com Gunnar Asmussen, Per Lyngemark e Reno Olsen, uma medalha de ouro nos Jogos Olímpicos de Verão de 1968 na perseguição por equipes de 4 km e terminou em segundo individualmente.[1] No entanto, é mais famoso pela maneira como ele venceu a etapa 9 no Tour de France de 1970.[2] Aqui, ele derrotou o seu próprio capitão da equipe, o português Joaquim Agostinho. Agostinho foi o primeiro a cruzar a linha de chegada, mas foi imediatamente desclassificado por colocar a mão no guidão de Frey, assim, segurando-o de volta ao sprint.[3]

Frey também venceu a prova de perseguição individual no campeonato mundial de 1968 e terminou em segundo em 1967, atrás do holandês Gert Bongers.[4]

Referências

  1. Mogens Frey Jensen. Sports Reference
  2. Resultados para Mogens Frey – Tour de France oficial Arquivado em 4 de março de 2016, no Wayback Machine.. letour.fr
  3. Bill McGann; Carol McGann (2008). The Story of the Tour De France: 1965-2007. [S.l.]: Dog Ear Publishing. p. 50. ISBN 978-1-59858-608-4 
  4. Mogens Frey. radsportseiten.net
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Mogens Frey
Cycling (road) pictogram.svg Este artigo sobre um(a) ciclista, integrado ao Projeto Desporto, é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.