Natalie Morales

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Natalie Morales
Nome completo Natalie Leticia Morales
Nascimento 6 de junho de 1972 (44 anos)
Taipé, Taiwan
Ocupação Jornalista e Apresentadora
Cônjuge(s) Joseph Rhodes (1998-presente)
Filho(s) 2
Nacionalidade norte-americana
Atividade 1994-presente

Natalie Leticia Morales (Taipé, 6 de junho de 1972) é uma jornalista norte-americana, de ascendência brasileira, correspondente nacional da NBC e do programa Today. Ela substitui Meredith Vieira como co-apresentadora durante a terceira hora do Today show. Também trabalha com a apresentadora Ann Curry em alguns programas.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Natalie nasceu em Taipé, Taiwan, de uma mãe brasileira, Penelope Morales, e um pai de porto-riquenho, o tenente-coronel Mario Morales Jr. Ela fala espanhol e português e passou os primeiros dezoito anos de sua vida morando no exterior em países como: Panamá, Brasil e Espanha.

Morales possui bacharelado em Artes e Jornalismo na Universidade Rutgers.[1] Ela era membro da Phi Beta Kappa e se formou Summa Cum Laude.

É casada com Joe Rodes, desde 1998 e têm dois filhos.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Natalie é uma correspondente nacional da NBC dos Estados Unidos. Foi âncora e correspondente da MSNBC de 2002 a 2006 . Ela cobriu uma série de eventos como a eleição presidencial de 2004, as Olimpíadas de 2004 em Atenas, Grécia; A tortura e o abuso de prisoneiros de Abu Ghraib, A Operação Liberdade do Iraque, o acidente espacial com a nave Columbia , o blackout do nordeste dos Estados Unidos em 2002, entre outros.

Antes de se juntar à MSNBC , Natalie atuou como âncora na WVIT -TV em Hartford, Connecticut, onde ela noticiou sobre o Massacre de Columbine, a tempestade tropical Floyd, as Eleições Presidenciais dos Estados Unidos de 2000 e os Ataques de 11 de setembro de 2001. Ela também co-organizou as indicações para o documentário Emmy, e também para o "Save Our Sound", uma produção conjunta com WNBC sobre a preservação do "Long Island Sound". Ela começou sua carreira na televisão na News 12, uma rede de notícias, como a primeira jornalista âncora da manhã. Ela também atuou como operadora de câmera, editora e produtora para essa rede. Em 1999, ela foi eleita uma das 50 Latinas mais influentes para a cobertura de notícias e reportagens do jornal diário hispânico El Diario La Prensa. Anteriormente, Morales passou dois anos trabalhando nos bastidores no Tribunal de Justiça na TV.

Em 2010, recebeu o convite das Organizações de Donald Trump, para apresentar a 59ª edição do Miss Universo, ao lado de Bret Michaels.

Referências

  1. MSNBC: Natalie Morales acessado em 2 de Agosto de 2010

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um(a) jornalista é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.