Ondina Clais Castilho

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Ondina Clais
Ondina Clais em Julho de 2017
Nascimento 6 de abril de 1970 (47 anos)
São Paulo, SP
Ocupação Atriz

Ondina Clais, também creditada como "Ondina Clais Castilho" ou "Ondina Castilho", (São Paulo, 6 de abril de 1970) é uma atriz, ex-bailarina e ex-modelo brasileira.

Aos 15 anos estreia a carreira profissional como bailarina clássica, atuando na Ópera "O Guarani", de Carlos Gomes, regida pelo maestro Benito Juarez. Torna-se, pouco tempo depois modelo, estampando a capa de diversas revistas nacionais e estrangeiras. Aos 20 anos, inicia a carreira de atriz, juntando-se ao Grupo Macunaíma, do diretor teatral Antunes Filho, no qual encena diversas montagens, como "Nova Velha História", "Paraíso Zona Norte" e "Toda Nudez Será Castigada", de Nelson Rodrigues, na qual interpreta a protagonista Geni.[1] Aos 23 anos residiu no Japão, onde foi aluna dos mestres Kazuo Ohno e Yoshito Ohno.

Em 2013, protagoniza a peça "A Dama do Mar", de Henrik Ibsen, na primeira montagem do renomado diretor norte-americano Bob Wilson no Brasil com atores brasileiros, sendo elogiada pela crítica especializada [2][3] e indicada para o prêmio de Melhor Atriz Coadjuvante de 2013, pela Revista Aplauso [4]

Atualmente direciona sua carreira para a televisão e o cinema, tendo participado da Terceira Temporada da Série Sessão de Terapia, no canal GNT, e da Primeira Temporada de "O Hipnotizador", na HBO.

No cinema, fez parte do elenco do filme "Meu Amigo Hindu", de Hector Babenco, com o ator norte-americano Willem Dafoe. É uma das protagonistas de "O Filme da Minha Vida", do diretor Selton Mello, no qual atua ao lado do ator francês Vincent Cassel. Seus dois últimos filmes são "Rio-Santos", do diretor Klaus Mitteldorf, e "João", filme que retrata a história do pianista João Carlos Martins, no qual interpreta a mãe do maestro, com estréia prevista para o primeiro semestre de 2017.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Ballet[editar | editar código-fonte]

Teatro[editar | editar código-fonte]

Cinema[editar | editar código-fonte]

Ano Título Papel
2017 O Filme da Minha Vida Sofia
2016 Rio-Santos Talia
João Allay
2015 Meu Amigo Hindu Luiza
O Ateliê da Rua do Brum Clarissa
2013 O Bailado do Deus Morto Dançarina e Narradora
2011 O Encontro A Mulher
2002 Noites Brancas em Sábado de Glória Nina e Glória
2001 Mater Dei Ana
1996 A Janela Camila

Televisão[editar | editar código-fonte]

Ano Título Papel
2017 A Vida Secreta dos Casais Elisa Andreazza[5].
2015 O Hipnotizador Madame Zoraide
2014 Sessão de Terapia Neuza
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Ondina Clais Castilho

Referências

  1. Gabriela Mellão (4 de outubro de 2012). «A peça que faltava». Folha de S. Paulo. Consultado em 3 de outubro de 2013 
  2. Nelson Sá (16 de junho de 2013). «Damas do mar». Cacilda, blog de teatro da Folha. Consultado em 3 de outubro de 2013 
  3. Jefferson del Rios (23 de agosto de 2012). «Quando a ilusão vem do mar». Estadão 
  4. Michel Fernandes (18 de agosto de 2013). «Parabéns aos indicados ao Prêmio Aplauso». Revista Aplauso. Consultado em 2 de outubro de 2013 
  5. «Série A Vida Secreta dos Casais fala de sexo, poder político e jornalismo». Correio24horas.com. Consultado em 14 de setembro de 2017