Ordem dos Companheiros de Honra

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

Ordem dos Companheiros de Honra
Insígnia da Ordem dos Companheiros de Honra.
Classificação
País  Reino Unido
Outorgante Monarca britânico
(Rei Carlos III)
Motto In action faithful and in honour clear
("Fiel em ação e claro em honra.")
Tipo Ordem honorífica
Agraciamento por desejo do Soberano
Condição Em uso
Histórico
Origem Grã-Bretanha
Criação 4 de junho de 1917,
por Jorge V
Hierarquia
Inferior a Ordem do Serviço Imperial
Superior a Ordem de São João
Imagem complementar
Barreta
John Buchan, 1º Barão Tweedsmuir, como Governador-geral do Canadá ostentando a Ordem dos Companheiros de Honra, entre outras ordens, em seu pescoço.

A Ordem dos Companheiros de Honra (em inglês: Order of the Companions of Honour) é uma ordem honorífica britânica e da Commonwealth. Foi fundada por rei Jorge V em junho de 1917, como uma recompensa por realizações proeminentes nas artes, literatura, música, ciência, política, indústria ou religião.

A ordem consiste no Soberano, mais 65 Companheiros de Honra e não excedendo a este número, sendo uma quota de 45 membros são do Reino Unido, 7 da Austrália, 2 da Nova Zelândia e 11 de outros países. Adicionalmente, estrangeiros podem ser adicionados como "membros honorários". A Ordem não transforma em cavaleiro ou confere outro status, mas os agraciados podem usar após o nome as letras "CH".

A insígnia da Ordem consiste num medalhão oval com uma árvore de Carvalho, um protetor com a royal arms pendurado sob um lado, e na esquerda um cavaleiro em armas. Na borda azul-claro o emblema carrega o mote “IN ACTION FAITHFUL AND IN HONOUR CLEAR” ("Fiel em ação e claro em honra") em letras douradas, e o oval é sobreposto por uma coroa imperial. Os homens carregam o emblema em uma fita (vermelha com as linhas douradas na beira) em torno de suas gargantas, e as mulheres no ombro esquerdo.


Ícone de esboço Este artigo sobre ordens nobiliárquicas é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.