Sistema honorífico britânico

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Sistema de honras britânico)
Ir para: navegação, pesquisa
Text document with red question mark.svg
Este artigo ou secção contém fontes no fim do texto, mas que não são citadas no corpo do artigo, o que compromete a confiabilidade das informações. (desde dezembro de 2014)
Por favor, melhore este artigo introduzindo notas de rodapé citando as fontes, inserindo-as no corpo do texto quando necessário.

O sistema honorífico britânico é um meio de recompensas individuais, pessoais, de coragem, proeza, ou serviço para o Reino Unido. O sistema consiste em três tipos de concessões: honras, condecorações e medalhas:

  • Honras são usadas para reconhecer méritos em termos de condecoração e serviços;
  • Condecorações tendem a ser usadas para reconhecer feitos específicos;
  • Medalhas são usadas para reconhecer valentia, grande e/ou valioso serviço e/ou boa conduta.

Ordens de cavalaria[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Ordem de cavalaria

O sistema atual é composto de seis ordens de cavalaria e quatro ordens de mérito. Os respectivos estatutos de cada ordem especificam, por exemplo, a aplicação da ordem, o uso dos tratamentos, a insígnia e sua exibição.

Ordem Graus Barreta Estabelecida Fundador Lema Nota(s)
A Mais Nobre Ordem da Jarreteira Cavaleiro
Dama
Order of the Garter UK ribbon.png 23 de abril de 1348 Rei Eduardo III Honi soit qui mal y pense [1]
A Mais Antiga e Venerável Ordem do Cardo-selvagem Cavaleiro
Dama
Order of the Thistle UK ribbon.png 29 de maio de 1687 Rei Jaime II Nemo me impune lacessit
A Mais Honorável Ordem do Banho Cavaleiro / Dama da Grã-Cruz
Cavaleiro/Dama Comandante
Companheiro
Order of the Bath UK ribbon.png 18 de maio de 1725 Rei Jorge I Tria iuncta in uno
A Ordem Mais Distinta de São Miguel e São Jorge Cavaleiro/Dama da Grande Cruz (GCMG)
Cavaleiro/Dama Comandante (KCMG e DCMG)
Companheiro (CMG)
UK Order St-Michael St-George ribbon.svg 28 de abril de 1818 Rei Jorge IV (como regente) Auspicium melioris ævi
Ordem de Serviços Distintos Companheiro (OSD) Dso-ribbon.png 6 de setembro de 1886 Rainha Vitória
Ordem Real Vitoriana Cavaleiro/Dama da Grã-Cruz (GCVO)
Caveleiro/Dama Comandante (KCVO/DCVO)
Comandante
Tenente
Membro
Royal Victorian Order UK ribbon.jpg 21 de abril de 1896 Victoria
Ordem de Mérito Membro (OM) Order of Merit (Commonwealth realms) ribbon.png 23 de junho de 1902 Rei Eduardo VII For merit
Ordem do Serviço Imperial Membro Ribbon Imperial Service Order 100x30.jpg 8 de agosto de 1902 For faithful service
A Mais Excelente Ordem do Império Britânico Cavaleiro/Dama da Grã-Cruz
Cavaleiro/Dama Comandante
Comandante
Oficial
Membro
Lint Orde van het Britse Rijk.jpg 4 de junho de 1917 Rei Jorge V For God and the Empire

Ordens de cavalaria extintas[editar | editar código-fonte]

Estas ordens foram criadas por questões específica em épocas específicas. Em alguns casos, estas questões perderam sua validade e as ordens foram poeteriormente suspensas, principalmente por conta do declínio do Império Britânico durante o século XX.

As posteriores reformas no sistema de honras resultaram em outras modificações. Por exemplo, a Medalha do Império Britânico deixou de ser galardoada em 1993, assim como o grau de Companheiro da Ordem do Serviço Imperial. A Medalha do Império Britânico foi revivida em 2012 por conta do Jubileu de Diamante da Rainha Isabel II e continua sendo empregada nas Ilhas Cook e em outras nações da Commonwealth.

Ordem de São Patrício[editar | editar código-fonte]

Ordem Graus Barreta Estabelecida Fundador Lema Nota(s)
A Mais Ilustre Ordem de São Patrício Cavaleiro (KP) Ribbon bar Order of St. Patrick.jpg 17 de março de 1783 Rei Jorge III Quis Separabit?

A Ordem de São Patrício foi fundada em 1783 por Jorge III para o Reino da Irlanda, e após a permanência do Ato de União de 1800 para o pariato irlandês. Após o estabelecimento do Estado Livre Irlandês em 1922, somente membros da Família real foram indicados à ordem, o último em 1936. O mais longevo cavaleiro da ordem foi Henrique, Duque de Gloucester, que faleceu em 10 de junho de 1974. Apesar de extinta, a ordem tecnicamente ainda existe, e pode ser ativada a qualquer momento. A Rainha Isabel II é o atual soberano da ordem.

Ordens imperiais[editar | editar código-fonte]

Ordem Graus Barreta Estabelecida Fundador Lema Nota(s)
A Mais Exaltada Ordem da Estrela da Índia Cavaleiro Grande Comandante (GCSI)
Cavaleiro Comandante (KCSI)
Companheiro (CSI)
ImperialOrderCrownIndiaRibbon.gif 1861 Rainha Vitória Heaven's light our guide
A Mais Eminente Ordem do Império Indiano Cavaleiro Grande Comandante (GCIE)
Cavaleiro Comandante (KCIE)
Companheiro (CIE)
Order of the Indian Empire Ribbon.svg 1878 Rainha Vitória Imperatricis auspiciis
A Imperial Ordem da Coroa da Índia Companheiro (CI) ImperialOrderCrownIndiaRibbon.gif 1878 Rainha Vitória
Ordem da Birmânia Membro (OB) Order of Burma (United Kingdom) - ribbon bar.png 10 de maio de 1940 Rei Jorge VI

Estas ordens, relacionadas ao Raj Britânico, também encontram-se suspensas. A ordem sênior, a Ordem da Estrela da Índia, era dividida em três graus (Cavaleiro Grande Comandante, Cavaleiro Comandante e Companheiro), dos quais o primeiro e mais alto era conferido aos príncipes e chefes dos estados indianos e também a cidadãos britânicos residentes na Índia. Mulheres não eram elegíveis à ordem. A Ordem do Império Indiano era dividida nos mesmos graus e também não incluía mulheres. Por outro lado, a Ordem da Coroa da Índia era destinada exclusivamente à mulheres. Com a Independência da Índia em 1947, as nomeações para todas estas ordens cessaram.

Tej Singh Prabhakar, que era o último membro sobrevivente da Ordem da Estrela da Índia, faleceu em fevereiro de 2009 aos 97 anos de idade.[2] O único membro restante da Ordem do Império Indiano, Maharaja Meghrajji III, faleceu em agosto de 2010, aos 87 anos de idade.[3] A Rainha Isabel II foi apontada à Ordem da Coroa da Índia (então, como Princesa Isabel) e permanece como último membro restante da ordem. A Rainha também é o soberano de todas as ordens indianas, ainda que tenham sido abolidas.

A Ordem da Birmânia foi estabelecida em maio de 1940 pelo Rei Jorge VI em reconhecimento aos cidadãos da Birmânia (atual Myanmar). Esta ordem tinha o objetivo de reconhecer serviços militares e policiais em favor da Coroa britânica na região. A ordem foi uma das mais raras, tendo somente 33 membros até a data de sua suspensão, em 1948.

Ordens associadas ao Monarca[editar | editar código-fonte]

Real Ordem Guélfica[editar | editar código-fonte]

Ordem Graus Barreta Estabelecida Fundador Lema Nota(s)
Real Ordem Guélfica Cavaleiro Grã-Cruz (GCH)
Cavaleiro Comandante (KCH)
Cavaleiro (KH)
Royal Guelphic Order.png 1815 Jorge, Príncipe Regente Nec Aspera Terrent

A Real Ordem Guélfica, também conhecida como Ordem Guélfica Hanoveriana, foi uma ordem de cavalaria fundada por Jorge, Príncipe Regente em nome do Rei Jorge III em 1815. No Reino Unido, a ordem esteve em uso por pouco tempo, até a morte de Guilherme IV, o que resultou no fim da união pessoal com o Reino de Hanôver. A ordem permaneceu por algum período como a ordem nacional de Hanôver até a dissolução do reino pela Prússia em 1866, passando então à condição de ordem de nobreza da Casa de Hanôver.

Condecorações[editar | editar código-fonte]

Recusa ou retirada[editar | editar código-fonte]

Anualmente, um pequeno grupo de pessoas recusa a receber uma honraria à qual tenha sido indicada; isto se dá geralmente por questões particulares. De igual forma, as honrarias são removidas (retiradas) caso o recipiente seja condenado judicialmente. O Comitê de Baixa de Honras é o órgão responsável por averiguar as acusações de que um indivíduo não deveria portar uma honra britânica. As recomendações são feitas ao Monarca do Reino Unido, que possui a autoridade de rescindir uma condecoração outrora concedida.

Em 2009, Gordon Brown confirmou que o processo de avaliação permanece o mesmo implementado em 1994 pelo então primeiro-ministro John Major.[4]

Entre alguns dos recomendados que recusaram às honras britânicas, estão:

] deu baixa da ordem espontaneamente por questões de alinhamento político.

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre o Reino Unido é um esboço relacionado ao Projeto Europa. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.