Oxicam

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Oxicam é uma classe de compostos de drogas anti-inflamatórias não esteroides (AINE), que se ligam intimamente a proteínas do plasma.[1] A maioria das oxicans são inibidores não seletivos das enzimas ciclo-oxigenase (COX). A exceção é a meloxicam, com uma leve preferência (10:1) por COX-2, a qual, entretanto, é clinicamente relevante somente em baixas doses.[2]

Exemplos incluem:

Referências

  1. Olkkola KT, Brunetto AV, Mattila MJ (1994). «Pharmacokinetics of oxicam nonsteroidal anti-inflammatory agents». Clinical pharmacokinetics [S.l.: s.n.] 26 (2): 107–20. doi:10.2165/00003088-199426020-00004. PMID 8162655. 
  2. Mutschler, Ernst; Gerd Geisslinger, Heyo K. Kroemer, Monika Schäfer-Korting (2001). Arzneimittelwirkungen (em German) 8 ed. (Stuttgart: Wissenschaftliche Verlagsgesellschaft). p. 233. ISBN 3-8047-1763-2.