Periquito

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Piriquito)
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Para o município brasileiro, veja Periquito (Minas Gerais). Para o peixe, veja Antigonia capros.
Como ler uma infocaixa de taxonomiaPeriquito
Melopsittacus undulatus Revivim 2.jpg
Estado de conservação
Não avaliada: Domesticado
Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Chordata
Classe: Aves
Ordem: Psittaciformes
Família: Psittacidae
Distribuição geográfica
Habitat natural do Melopsittacus undulatus
Habitat natural do Melopsittacus undulatus

Periquito é o nome comum de várias espécies pertencentes à família Psittacidae que se alimenta essencialmente de sementes. O nome não corresponde a nenhuma classe taxonómica e é usado para referir as aves menores deste grupo.[1]

No livro " Parrots of the World" -"Papagaios do Mundo" de Joseph M.Forshaw, é citado o nome científico Melopsittacus undulatus para os periquitos de acordo com a taxonomia.[2] Na classe taxonômica, têm-se a ordem Psittaciformes,para a família Psittacidae que corresponde a uma grande família de mais de 350 espécies ( entre elas, papagaios, araras, lóris).[3][4]

História[editar | editar código-fonte]

Na natureza[editar | editar código-fonte]

Periquito-rico ou Periquito-verde (Brotogeris tirica), ave endêmica do Brasil, alimentando-se de coquinhos, frutos da palmeira Jerivá (Syagrus romanzoffiana).

Os periquitos vivem nas regiões de pastagens naturais na Austrália. A cor natural era o verde claro, mas após várias gerações foram surgindo várias cores.Isso ocorreu através das mutações genéticas.

Até à Europa[editar | editar código-fonte]

Em 1840, John Gould trouxe para Inglaterra periquitos de cor verde claro. Os periquitos foram aves que se adaptaram muito bem às gaiolas e assim ganharam grande popularidade entre os criadores de aves. Nos primeiros anos de criação destas aves só havia de cor verde-claro, tendo depois surgido o amarelo e daí o amarelo de olhos vermelhos (lutino). Daí em diante apareceram os azuis celestes. Depois apareceram várias tonalidades de verdes, azuis, amarelos, havendo depois os malhados recessivos.

O periquito-de-asa-amarela (ou periquito-de-encontro-amarelo) (Brotogeris versicolorus chiriri) pode ser visto em parques e áreas abertas.

Actualidade[editar | editar código-fonte]

Periquito de Encontro Amarelo ou Periquito de Asa Amarela (Brotogeris chiriri) (imagem), No ambiente urbano, são encontradas em parques e áreas abertas.

Hoje em dia há periquitos de todas as cores inclusive preto, descoberto por volta do início deste século.

Alguns gêneros e espécies[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. periquito in Dicionário infopédia da Língua Portuguesa [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2018. [consult. 2018-09-10 14:36:50]. Disponível na Internet: https://www.infopedia.pt/dicionarios/lingua-portuguesa/periquito
  2. «What's the Difference Between Parakeets and Budgies?». The Spruce Pets (em inglês). Consultado em 19 de junho de 2020 
  3. Ornithology, British Trust for (25 de novembro de 2010). «Psittacidae - Parrots». BTO - British Trust for Ornithology (em inglês). Consultado em 19 de junho de 2020 
  4. «Psittacidae - an overview | ScienceDirect Topics». www.sciencedirect.com. Consultado em 19 de junho de 2020 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre Aves, integrado no Projeto Aves é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.