Presidente Franco

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Para o presidente paraguaio, veja Manuel Franco.
Presidente Franco
Presidente Franco
Bandeira Brasão
Saltos del Monday, Presidente Franco, Paraguay.jpg
Departamento Alto Paraná
Fundação 13 de outubro de 1929
Demografia
População
 - Pop. metropolitana

101.720 hab.
Densidade 834 hab./km² hab/km²
Gentílico Franquenho/a
Geografia
Área 122 km² km²
Altitude 184 metros
Temperatura média 15 °C
Fuso horário UTC-4
UTC+1 (DST
Localização
Presidente Franco está localizado em: Paraguai
Presidente Franco
Localização de Presidente Franco no Paraguai
25° 32' 56" S 54° 36' 44" O
Cidade do Paraguai Paraguai

Presidente Franco é uma cidade de fronteira do Paraguai, localizada na parte leste do país, nas margens do Rio Paraná, no departamento do Alto Paraná. É conhecida como a cidade das Três Fronteiras, pois faz divisa com as cidades de Puerto Iguazú, pertencente a Argentina, e Foz de Iguaçu, pertencente ao Brasil.

Etimologia[editar | editar código-fonte]

O termo "Presidente Franco" é uma homenagem ao Dr. Manuel Franco, presidente do Paraguai de 1916 a 1919.[1]

História[editar | editar código-fonte]

A cidade foi fundada em 1929, por Vicente Antonio Matiauda, ​​às margens dos rios Paraná e Monday, e constitui um dos portos mais importantes da região, principalmente para o transporte de madeira e erva-mate, tendo sido a primeira cidade do distrito a ser fundada.[1]

Em 1974, foi declarado município de terceira categoria e, em 1979, foi declarado município de primeira categoria. Após vários anos de desenvolvimento e aumento populacional, a cidade tornou-se a cabeça de outros portos fluviais, como Puerto Indio, Hernandarias, Marangatú e Carlos Antonio López. Desempenhou um importante papel comercial, pois importantes produtos entraram no Paraguai através de seu porto.

Foi a primeira cidade onde instituições estaduais se estabeleceram. Na década de 1940, foi instalado o Hospital de Assistência Social, depois outras instituições, como Senepa e a Administração Paraguaia de Álcool (APAL), que na época exportavam bebidas alcoólicas para o Brasil e Argentina.[2]

Geografia[editar | editar código-fonte]

Clima[editar | editar código-fonte]

Segundo a classificação climática de Köppen, o clima de Presidente Franco é subtropical úmido (Cfa), com temperatura média anual é de 21°C; as máximas chegam aos 38°C e as mínimas atingem 0°C. O maior índice de pluviosidade do Paraguai ocorre no Departamento do Alto Paraná e, particularmente, as chuvas na cidade são um pouco mais volumosas que em Ciudad del Este. No inverno, o orvalho e a névoa são permanentes.[3]

Localização[editar | editar código-fonte]

A cidade está localizada nas coordenadas 25° 32' 52" S e 54° 36' 44" O. É limitada a norte por Ciudad del Este, a oeste por Los Cedrales, e a sul e a leste com o rio Paraná, sendo a sul, a outra margem pertencendo a Puerto Iguazu, Argentina, e a leste, a outra margem pertencendo a Foz do Iguaçu.

Demografia[editar | editar código-fonte]

Presidente Franco possuí uma ópulação de 101 mil habitantes e uma densidade demográfica de 834 hab./km², sendo a 16° cidade mais populosa do país. Forma uma conurbação junto com Ciudad del Este, Minga Guazú e Hernandarias, sendo parte integrante da Região Metropolitana de Ciudad del Este.

Evolução demográfica[editar | editar código-fonte]

Apesar mais antiga que sua vizinha Ciudad del Este, Presidente Franco sempre foi menos populosa que a capital do departamento. Atualmente, especula uma projeção de crescimento contínuo, chegando aos 120 mil habitantes em 2025.

Evolução demográfica de Presidente Franco (2000-2025)
Fonte: DGEEC

Faixa etária[editar | editar código-fonte]

Assim como na maior parte do país, a cidade possuí um grande número de jovens e um pequeno número de idosos.

Faixa etária Homens Mulheres Total
0 a 4 anos 5.161 5.143 10.304
5 a 14 anos 10.355 10.303 20.658
15 a 29 anos 14.310 13.988 28.298
30 a 44 anos 10.177 11.142 21.319
45 a 64 anos 8.210 8.256 16.466
65 a 79 anos 2.110 1.906 4.016
Mais de 80 anos 319 340 659
Total 50.640 51.079 101.720

Governo[editar | editar código-fonte]

O atual intendente municipal é Roque Godoy.[4]

Geminações[editar | editar código-fonte]

Economia[editar | editar código-fonte]

Presidente Franco possuí uma economia essencialmente agrária, cujo as práticas são realizadas na margem sul do Rio Monday. Madeira e soja são os principais produtos exportados pela cidade. Os laticínios também se fazem presente na cidade. Algumas atrações turísticas e um comércio pouco explorado complementam o setor terciário.

Turismo[editar | editar código-fonte]

A cidade apresenta algumas atrações turísticas, sendo as principais:

Marco das Três Fronteiras: localizado a três quilômetros do centro da cidade, onde é possível observar a confluência do Rio Iguaçu no Rio Paraná, assim como a tríplice fronteira entre Brasil, Paraguai e Argentina.[6]

Saltos do Monday: localizados no Rio Monday, é uma série de saltos de até 40 metros de altura.[7]

Infraestrutura[editar | editar código-fonte]

Educação[editar | editar código-fonte]

A cidade possuí três universidades:

  • Escuela Superior de Bellas Artes (ESBA UNE);[8]
  • Universidade Centuria;
  • Universidade Privada del Este (UPE).

Ponte da Integração[editar | editar código-fonte]

A Ponte da Integração irá ligar Presidente Franco diretamente a Foz do Iguaçu, Brasil. A estrada seguirá um trajeto contornando a Região Metropolitana de Ciudad del Este, até chegar a Ruta 7. É vista como importante componente para o desenvolvimento de Presidente Franco.[9][10]

Transporte[editar | editar código-fonte]

O município de Presidente Franco é servido pela seguinte rodovia:

Cultura[editar | editar código-fonte]

Gritos del Monday, mais importante filme do terror paraguaio.

Cinema[editar | editar código-fonte]

Presidente Franco foi palco de um importante filme do terror paraguaio, Gritos del Monday, lançado em 2016, com cenas gravadas em 2013 na cidade.[14]

Mídia[editar | editar código-fonte]

A cidade é coberta pelas emissoras de rádio e televisão de Ciudad del Este, com poucas instalações midiáticas próprias. Possuí uma emissora de televisão e três de rádio:

Televisão[editar | editar código-fonte]

  • Teledifusura del Este

Rádio[editar | editar código-fonte]

  • Radio Concierto
  • Radio Teko Porã
  • Radio Paraná

Esporte[editar | editar código-fonte]

Presidente Franco possuí um clube de futebol no campeonato paraguaio da terceira divisão, o Club Cerro Porteño PF, que manda seus jogos no Estádio Felipe Giménez.[15]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

Ícone de esboço Este artigo sobre Geografia do Paraguai é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.