Principado de Kiev

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Para o estado posterior também conhecido como Principado Rus', veja Reino da Galícia-Volínia.



Rus' de Kiev
Early Rus.png
 
GökturksAD551-572.png
882 – 1240 Pogon White Ruthenia.png
 
Nowogród.svg
 
Coat of arms of Russia (XV Century).svg

Bandeira de Rus Kievana

Bandeira

Localização de Rus Kievana
Rus' Kievana Por Volta de 1015
Continente Eurásia
País Ucrânia, Bielorrússia e Rússia
Capital Kiev
Religião Cristão ortodoxo
Governo Monarquia
História
 • 882 Fundação
 • 1240 Dissolução
Moeda Grívnia

Rus Kievana, também conhecido como Rus' de Kiev ou Russia Kievana foi uma federação frouxa[1] de tribos eslavas do Leste Europeu dos séculos IX ao XIII,[2] sob o reino da dinastia de Rurik. Os povos modernos da Bielorrússia, Ucrânia e Rússia reivindicam a Rus de Kiev como seu ancestral cultural.[3]

Na sua maior extensão em meados do século XI, o Estado se estendia do Mar Báltico no norte ao Mar Negro no sul e das cabeceiras do Vístula no oeste para a Península de Taman, no leste,[4][5] unindo a maioria das tribos eslavas do leste.[1]

De acordo com a historiografia russa, o primeiro governante a começar a unir as terras eslavas do leste no que se tornou conhecido como Rus de Kiev foi príncipe Oleg (882-912). Ele estendeu seu controle de Novgorod para o sul ao longo do vale do rio Dnieper para proteger o comércio das incursões de cazares do leste[1] e moveu sua capital para a mais estratégica Kiev. Sviatoslav I (falecido em 972) conseguiu a primeira grande expansão do controle territorial, lutando uma guerra de conquista contra os cazares. Vladimir, o Grande (980-1015) introduziu o cristianismo com seu próprio batismo e, por decreto, estendeu-o a todos os habitantes de Kiev e além. A Rus Kievana alcançou sua maior extensão sob Yaroslav, o Sábio (1019-1054); seus filhos reuniram e emitiram seu primeiro código legal escrito, pouco depois de sua morte.[6]

O Estado declinou o começo no século XI atrasado e durante o século XII, desintegrando em várias potências regionais rivais. Ela foi ainda mais enfraquecido por fatores econômicos, como o colapso dos laços comerciais de Rus com Bizâncio devido ao declínio de Constantinopla[7] e a diminuição de rotas comerciais que o acompanhavam por seu território. O Estado finalmente caiu para a invasão mongol da década de 1240.

História[editar | editar código-fonte]

Primórdios[editar | editar código-fonte]

Segundo a Crónica de Nestor, a mais antiga crônica da Rus' Kievana, um varegue (viking sueco) chamado Rurik primeiro estabeleceu-se em Novgorod, tendo sido selecionado como governante comum por muitas tribos eslavas e finensas) em aproximadamente 860, antes de se mover para sul e estender sua autoridade a Kiev. A crônica o cita como o progenitor da Dinastia Ryurikida.

Estes varegues primeiro se estabeleceram no lago Ladoga, em seguida se movendo ao sul para Novgorod eventualmente alcançando Kiev, e finalmente pondo fim ao pagamento de tributos de Kiev aos cazares. A dita Rus' Kievana foi fundada pelo príncipe Oleg (Helgu nos registros cazares) em aproximadamente 880. Durante os 35 anos seguintes, Oleg e seus guerreiros submeteram as várias tribos eslavas orientais e finesas. Em 907, Oleg liderou um ataque contra Constantinopla e em 911 assinou um acordo comercial com o Império Bizantino como um parceiro equivalente. O novo estado kievano prosperou porque controlava as rotas de comércio do mar Báltico ao mar Negro e ao Oriente e porque tinha um abundante suprimento de peles, cera de abelha e mel para exportar. Tendo em consideração o preconceito pró-escandinavo da antiga crônica eslava, alguns historiadores eslavos têm debatido o papel dos varegues no estabelecimento da Rus Kievana. Durante o reinado de Sviatoslav (945-972), os governantes kievanos adotaram nomes e a religião eslavas, porém sua drujina ainda consistia principalmente de escandinavos. As conquistas militares de Sviatoslav são impressionantes, tendo destruído, com seus ataques, o Império Búlgaro e o Império Cazar.

Fragmentação e declínio[editar | editar código-fonte]

A gradual desintegração do Rus' de Kiev começou no século XI, depois da morte de Yaroslav, o Sábio. A posição do grande príncipe de Kiev foi enfraquecendo pelo crescente poder político dos clãs regionais.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b c John Channon & Robert Hudson, Penguin Historical Atlas of Russia (Penguin, 1995), p.16.
  2. Kievan Rus, Encyclopædia Britannica Online.
  3. Plokhy, Serhii. The Origins of the Slavic Nations: Premodern Identities in Russia, Ukraine, and Belarus (PDF). New York: Cambridge University Press, 2006. pp. 10–15. ISBN 978-0-521-86403-9. 2010-04-27. For all the salient differences between these three post-Soviet nations, they have much in common when it comes to their culture and history, which goes back to Kievan Rus', the medieval East Slavic state based in the capital of present-day Ukraine. 
  4. Kyivan Rus’, Encyclopedia of Ukraine, vol. 2 (1988), Canadian Institute of Ukrainian Studies.
  5. See Historical map of Kievan Rus' from 980 to 1054.
  6. Bushkovitch, Paul. A Concise History of Russia. Cambridge University Press. 2011.
  7. «Civilization in Eastern Europe Byzantium and Orthodox Europe» 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre Estado extinto, integrado ao Projeto Estados Extintos é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.