Domo do Tesouro

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Qubbat al-Khazna)
Ir para: navegação, pesquisa
Domo do Tesouro

Domo do Tesouro (em árabe: قبة الخزنة; transl.: Qubbat al-Khazna) é uma antiga estrutura situada dentro do pátio da Mesquita Omíada em Damasco, Síria. É uma estrutura octogonal decorada com mosaicos que está sobre oito colunas romanas. Foi certa vez completamente coberto com uma colorida decoração com mosaicos pelo qual a mesquita era famosa.[1] O domo foi construído sob ordens do governador abássida de Damasco, Fadal ibne Sali, em 789.[2]

O domo foi utilizado para manter os enormes rendimentos da mesquita.[3] Alguns antigos manuscritos gregos, siríacos, coptas, hebraicos, aramaicos e georgianos também foram abrigados no Domo do Tesouro (e.g. Uncial 0126, 0144, 0145).[4] Os manuscritos geralmente foram mantidos fora de vista, mas quando o imperador alemão Guilherme II visitou Damasco em 1898, os estudiosos alemãs que o acompanharam receberam permissão de mexer neles como um favor especial, e por um tempo limitado apenas.[3]

Referências

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Cobb, Paul M. (2001). White banners: contention in ‘Abbāsid Syria, 750–880 (Albany, Nova Iorque: State University of New York Press). ISBN 0-7914-4880-0. 
  • Margoliouth, David S. (2010). Cairo, Jerusalem & Damascus: Three Chief Cities of the Egyptian Sultans Cosimo, Inc [S.l.] ISBN 978-1-61640-065-1. 
  • Orsini, Pasquale. (2008). "P. Radiciotti-A.D'Ottone, I frammenti della Qubbat al-khazna di Damasco. A proposito di una scoperta sottovalutata". Nea Rhome 5: 45-74.
  • Walker, Bethany J.. (2004). "Commemorating the Sacred Spaces of the Past: The Mamluks and the Umayyad Mosque at Damascus". Near Eastern Archaeology (The American Schools of Oriental Research) 67 (1): 26–39. DOI:10.2307/4149989.
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Domo do Tesouro