Queen & Slim

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Queen & Slim
Cartaz de lançamento no Brasil
No Brasil Queen & Slim - Os Perseguidos
Em Portugal Queen & Slim
 Estados Unidos
2019 •  cor •  133 min 
Direção Melina Matsoukas
Produção Makeready
Roteiro Lena Waithe
James Frey
História Lena Waithe
Elenco Daniel Kaluuya
Jodie Turner-Smith
Bokeem Woodbine
Gênero thriller dramático
Música Dev Hynes
Edição Pete Beaudreau
Distribuição Universal Pictures Brasil
Lançamento
  • 27 de novembro de 2019 (2019-11-27) (Estados Unidos)
  • 30 de janeiro de 2020 (2020-01-30) (Brasil)[1][2]
  • 22 de janeiro de 2021 (2021-01-22) (Portugal)[3]
Idioma inglês
Orçamento US$ 17-20 milhões[4][5]
Receita US$ 47,9 milhões[6][7]

Queen & Slim (prt: Queen & Slim[3]; bra: Queen & Slim - Os Perseguidos[1]) é um filme de suspense de drama americano dirigido por Melina Matsoukas, lançado em 2019.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

O casal negro, formado por Queen e Slim, é detido por uma simples infração de trânsito. Repentina e tragicamente a situação se agrava e Slim mata o policial enquanto se defende legitimamente. Fogem aterrorizados e com medo de suas vidas pessoais e profissionais serem destruídas. Então, o vídeo do incidente é publicado na internet e viraliza, e o casal se torna involuntariamente um símbolo de trauma, terror, pesar e dor para o povo de todo o país.[1]

Elenco[editar | editar código-fonte]

Produção[editar | editar código-fonte]

O projeto é anunciado em julho de 2018, com Daniel Kaluuya no elenco, Melina Matsoukas dirigindo e James Frey e Lena Waithe no roteiro.[8]

As filmagens começaram em janeiro de 2019 e terminaram em abril do mesmo ano.[9]

Promoção[editar | editar código-fonte]

O primeiro trailer do filme é lançado em 23 de junho de 2019.[8] O filme foi confirmado nos cinemas brasileiros no dia 30 de janeiro de 2020.[2]

Distribuição[editar | editar código-fonte]

O filme foi apresentado no AFI Fest em 14 de novembro de 2019 e distribuído nos cinemas dos EUA a partir de 27 de novembro.  

Recepção[editar | editar código-fonte]

Resposta da crítica[editar | editar código-fonte]

O site agregador de avaliações Rotten Tomatoes somou uma aprovação de 83% com base em 231 avaliações, com uma classificação média de 7,4/10. O consenso dos críticos do site diz: "Elegante, provocativo e poderoso, Queen & Slim conta uma emocionante história fugitiva mergulhada em subtexto oportuno e pensativo."[10]

Reconhecimento[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b c «Queen & Slim - Os Perseguidos». AdoroCinema. Brasil: Webedia. Consultado em 24 de novembro de 2022 
  2. a b Morales, Miguel (24 de outubro de 2019). «Com roteiro de Lena Waithe, Queen & Slim ganha data de estreia no Brasil!». Arroba Nerd. Consultado em 7 de agosto de 2020 
  3. a b Soares, Júlio (21 de janeiro de 2021). «"Queen & Slim": Filme com Jodie Turner-Smith e Daniel Kaluuya estreia no TVCine Top». Cinevisão. Portugal. Consultado em 24 de novembro de 2022 
  4. D'Alessandro, Anthony (25 de novembro de 2019). «'Frozen 2' To Near $284M By Next Sunday, 'Knives Out' Could Touch $30M – Thanksgiving B.O. Preview». Deadline Hollywood (em inglês). Consultado em 24 de novembro de 2022 
  5. Yohana Desta (22 de outubro de 2019). «Lena Waithe Hopes Queen & Slim Makes Trump Mad: "I Look Forward to That Tweet"». Vanity Fair (em inglês). Consultado em 24 de novembro de 2022 
  6. «Queen & Slim (2019)». The Numbers (em inglês). Consultado em 24 de novembro de 2022 
  7. «Queen & Slim (2019)». Box Office Mojo (em inglês). Consultado em 24 de novembro de 2022 
  8. a b Mike Fleming Jr (19 julho de 2018). «Makeready Sets 'Queen & Slim'; Daniel Kaluuya Stars, Melina Matsoukas Directs Lena Waithe Script». deadline.com (em inglês). Consultado em 24 de junho de 2019 
  9. «Queen and Slim». productionlist.com (em inglês). Consultado em 24 de junho de 2019 
  10. «Queen & Slim (2019)». Rotten Tomatoes (em inglês). Estados Unidos: Fandango Media. Consultado em 24 de novembro de 2022 
  11. Anthony D'Alessandro (3 de dezembro de 2019). «'The Irishman' Named Best Film By National Board Of Review, Quentin Tarantino Wins Best Director» (em inglês). Consultado em 3 de dezembro de 2019 
  12. Andrea Francesco Berni (29 de janeiro de 2020). «Oscar 2020: Cena con Delitto, Jojo Rabbit e Maleficent 2 vincono i Costume Designers Guild Awards». badtaste.it. Consultado em 29 de janeiro de 2020 
  13. «DGA Announces Nominees for Outstanding Directorial Achievement in Theatrical Feature Film for 2019». Directors Guild of America Award (em inglês). 7 de janeiro de 2020. Consultado em 8 de janeiro de 2020