Quinto Sulpício Camerino (cônsul em 9)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Para outros significados, veja Quinto Sulpício Camerino.
Quinto Sulpício Camerino
Cônsul do Império Romano
Consulado 9 d.C.

Quinto Sulpício Camerino (em latim: Quintus Sulpicius Camerinus) foi um político romano da gente Sulpícia eleito cônsul em 9. É famoso principalmente por ter composto um poema sobre a conquista de Troia por Hércules[1]. Ovídio escreve sobre este poema em "Ponto memoravit"[2][3]. Quinto Sulpício Camerino Pético, cônsul sufecto em 46, era seu filho.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Cônsul do Império Romano
Vexilloid of the Roman Empire.svg
Precedido por:
'Marco Fúrio Camilo

com Sexto Nônio Quintiliano
com Lúcio Aprônio (suf.)
com Aulo Víbio Hábito (suf.)

Caio Popeu Sabino
9

com Quinto Sulpício Camerino
com Marco Pápio Mutilo (suf.)
com Quinto Popeu Segundo (suf.)

Sucedido por:
'Públio Cornélio Dolabela

com Caio Júnio Silano
com Sérvio Cornélio Lêntulo Maluginense (suf.)
com Quinto Júnio Bleso (suf.)


Referências

  1. Smith, William (1880). A New Classical Dictionary Of Greek And Roman Biography, Mythology And Geography. New York: Harper & Brothers. p. 167. OCLC 9031521 
  2. Ovídio, Ponto Memoravit" IV 16,19
  3. Der Neue Pauly, Stuttgardiae 1999, T. 11, c. 1103