Raul Mascarenhas

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa


NoFonti.svg
Esta biografia de uma pessoa viva cita fontes confiáveis e independentes, mas elas não cobrem todo o texto. (desde dezembro de 2009) Ajude a melhorar esta biografia providenciando mais fontes confiáveis e independentes. Material controverso sobre pessoas vivas sem apoio de fontes confiáveis e verificáveis deve ser imediatamente removido, especialmente se for de natureza difamatória.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Raul Mascarenhas
Informação geral
Nome completo Raul Mascarenhas Pereira Junior
Nascimento 5 de abril de 1953 (64 anos)
Origem Poços de Caldas, MG
País  Brasil
Ocupação(ões) saxofonista e flautista
Período em atividade 1971 - presente
Raul Mascarenhas em show de João Donato no Espace Cardin, em Paris. Foto: Fernanda Peruzzo/Ministério da Cultura

Raul Mascarenhas Pereira Junior (Poços de Caldas, 5 de abril de 1953) é um saxofonista e flautista brasileiro. Começou a carreira em 1971 tocando em bailes, e fez parte do grupo de Johnny Alf, um dos grandes nomes da bossa nova.

Entre 1972 e 1975 viveu, trabalhou e estudou em Nova York e Paris. De volta ao Brasil, em 1976, passou a tocar e gravar com Gal Costa, Maria Bethânia e Gilberto Gil, entre outros. Na carreira, também já gravou músicas de Tom Jobim e tocou em dueto com o também saxofonista e flautista Mauro Senise.[1]

Dividindo residência entre São Paulo e Paris, apresenta-se regularmente acompanhando cantores internacionais ou com grupos instrumentais, como o Terra Brasilis, do qual faz parte.[1]

Vida pessoal[editar | editar código-fonte]

Foi casado por quatro anos com a atriz Cissa Guimarães, com quem teve um filho. Rafael. Também teve uma filha com a cantora Fafá de Belém, Mariana Figueiredo Pereira, mais conhecida como Mariana Belém.

Em 20 de julho de 2010 perdeu seu filho Rafael Mascarenhas, de 18 anos, atropelado em um túnel na Gávea, zona sul do Rio de Janeiro. O túnel estava fechado para manutenção, porém tinha uma passagem por onde dois carros entraram e um deles acabou atropelando Rafael, que andava de skate na companhia de dois amigos.

Discografia[editar | editar código-fonte]

  • (2004) Coisa Feita (Raul Mascarenhas e Conexão Rio) • MP,B
  • (1997) Pressão alta (Mauro Senise e Raul Mascarenhas) • Afam
  • (1996) Afinal (Delcio Carvalho) – participação • Leblon Records
  • (1995) Songbook Instrumental Antonio Carlos Jobim (Vários artistas) – participação • Lumiar Discos
  • (1990) Sabor Carioca (Raul Mascarenhas) • Som Livre
  • (1989) Projeto Brahma Extra – Grandes Músicos (Vários artistas) – participação • Independente - Mercado Promoções - LP
  • (1988) Raul Mascarenhas (Raul Mascarenhas) • Warner Music

Referências

Accordrelativo20060224.png Este artigo sobre um(a) músico(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.