Repentista

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Repentista refere-se, em Portugal ou no Brasil, a um poeta popular, a um improvisador que, a partir de um mote, debita espontaneamente um poema em forma de repente. Os poetas repentistas inserem-se na tradição da literatura oral e da literatura de cordel de uma determinada região ou país.[1]

O repentista de viola do interior do Nordeste brasileiro faz a chamada "Cantoria", na qual desfila versos improvisados em inúmeras modalidades: sextilhas, septilhas, décimas (estrofes de dez versos), oitavas (estrofes de oito versos), martelos, galopes, etc. No estado do Rio Grande do Sul, o repentista é conhecido como trovador.

Repentistas de Portugal[editar | editar código-fonte]

Alentejo

Repentistas do Brasil[editar | editar código-fonte]

Várias regiões

Referências

  1. Luzdalva S. Magi (2014). «Das cantigas trovadorescas ao cordel». Editora Escala. Conhecimento Prático Literatura (54). ISSN 1984-3674 
Web
Wiki letter w.svg Este artigo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o. Editor: considere marcar com um esboço mais específico.