Repeses

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Portugal Repeses 
  Freguesia portuguesa extinta  
Localização no Concelho de Viseu
Localização no Concelho de Viseu
Símbolos
Brasão de armas de Repeses
Brasão de armas
Localização
Repeses está localizado em: Portugal Continental
Repeses
Localização de Repeses em Portugal Continental
Mapa de Repeses
Coordenadas 40° 38' 10" N 7° 55' 41" O
município primitivo Viseu
município (s) atual (is) Viseu
Freguesia (s) atual (is) Repeses e São Salvador
História
Fundação 11 de Junho de 1993
Extinção 28 de janeiro de 2013
Características geográficas
Área total 5,02 km²
População total (2011) 2 509 hab.
Densidade 499,8 hab./km²
Outras informações
Orago Santa Eulália

Repeses foi uma freguesia portuguesa do concelho de Viseu, com 5,02 km² de área e 2 509 habitantes (2011). Densidade: 499,8 hab/km².

Teve o estatuto de freguesia entre 1993, (criada por desmembramento da freguesia de Ranhados) e 2013, data em que foi extinta (agregada), no âmbito de uma reforma administrativa nacional, tendo sido agregada à freguesia de São Salvador, para formar uma nova freguesia denominada União das Freguesias de Repeses e São Salvador[1] , esta denominação foi alterada oficialmente, apenas para Repeses e São Salvador em 2015.[2]

Dista à volta de 3 km do centro da cidade. O clima é bastante frio de Inverno e muito quente de Verão.

Uma parte dos seus habitantes vivem fundamentalmente da agricultura, enquanto outra se desloca para a cidade, a fim de trabalhar nos mais diversos locais empregadores de comércio.

Existem na localidade, vários cafés e alguns pequenos minimercados, existindo uma grande superfície comercial à saída para Coimbra.

Os transportes públicos são muito constantes e abundantes.

Não existe nenhum médico, nem qualquer profissional de enfermagem. O Centro de saúde que serve esta localidade, situa – se em Jugueiros, que dista 1 km e que se encontra aberto ao fim-de-semana para casos de urgência até às 20 horas.

No que diz respeito à educação, existe uma escola do 1.°C.E.B. com quatro salas, um Jardim de Infância, uma C+S 2,3 e um Instituto Politécnico.

O nível sócio - cultural é também bastante razoável, mas nesta localidade não existe nenhuma biblioteca Pública. É o jardim de infância e a escola do 1º ciclo, que têm vindo a promover uma certa dinamização e gosto pelo recreio, na freguesia existe o Clube de Futebol "Os Repesenses" (https://web.archive.org/web/20160304003605/http://www.osrepesenses.com/), que dá todo o apoio desportivo à escola.

A nível local, a rede sanitária é bastante boa.

Sendo no passado, um arrabalde de vincada influência rural, transformou-se, a pouco e pouco, num dormitório da cidade de Viseu. Hoje, Repeses está integrada no perímetro urbano da cidade e vem-se transformando com a construção de modernos bairros residenciais, com os respectivos e florescentes locais de comércio, que a tornam, do neste aspecto, quase autónoma. O crescimento do Campo do Instituto Politécnico de Viseu, aliado ao rasgar de novas ruas e avenidas e ao aparecimento de novos bairros, tudo aponta para um crescente desenvolvimento de toda esta zona.

Em termos populacionais, a maioria dos residentes trabalha em Viseu. Devido à proximidade das instalações do Politécnico, são muitos os jovens de ambos os sexos residentes nas zona, ocupando habitações alugadas, sendo esta uma população anualmente flutuante, mas dando origem a um grande movimento quer diurno, quer nocturno.

Também é de notar que esta localidade está em constante movimento e alargamento, devido às grandes construções que se estão a proceder, devido à enorme vivacidade e capacidade de visão do seu povo.

População[editar | editar código-fonte]

Nº de habitantes [3]
2001 2011
2 040 2 509

Criada pela Lei nº 17-A/93, de 11 de Junho, com lugares desanexados da freguesia de Ranhados

  1. Diário da República, 1.ª Série, n.º 19, Lei n.º 11-A/2013 de 28 de janeiro (Reorganização administrativa do território das freguesias). Acedido a 31 de Agosto de 2015.
  2. Assembleia da República. «Lei n.º 43/2015, de 4 de junho» (PDF). Diário da República eletrónico. Consultado em 31 de Agosto de 2015 
  3. Instituto Nacional de Estatística (Recenseamentos Gerais da População) - https://www.ine.pt/xportal/xmain?xpid=INE&xpgid=ine_publicacoes