Roberto Clemente

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Baseball pictogram.svg Roberto Clemente
Roberto Clemente.png
Informações pessoais
Nome completo Roberto Clemente Walker
Data de nasc. 18 de agosto de 1934
Local de nasc. Carolina, Porto Rico
Nacionalidade  Porto Rico porto-riquenho
Falecido em 31 de dezembro de 1972 (38 anos)
Apelido Arriba, The Great One
Informações profissionais
Posição Campista direito
Rebatidas 3000
Aproveitamento 31,7%
Corridas impulsionadas 1305
Home Runs 240
Bases roubadas 83
Corridas anotadas 1416
Rebate Direito
Lança Direito
Strikeouts 1230
Clubes principais
1955-1972 Estados Unidos Pittsburgh Pirates
Roberto Clemente

Robeto Clemente (Carolina, Porto Rico, 18 de agosto de 1934Isla Verde, Porto Rico, 31 de dezembro de 1972) foi um jogador de beisebol porto-riquenho que atuou durante toda a sua carreira nas grandes ligas pelo Pittsburgh Pirates.

Clemente foi um dos primeiros jogadores da América Latina a atuar nas grandes ligas norte-americanas. Ele prezava tanto sua origem que, quando os Pirates foram campeões da Série Mundial em 1971, nas entrevistas após o jogo ele insistiu em mandar uma mensagem em espanhol para sua família antes de responder às perguntas em inglês.[1] Apesar de um estilo de rebatidas pouco ortodoxo, Clemente acumulou exatas três mil rebatidas válidas ao longo de sua carreira e ganhou quatro títulos de rebatidas.[2] Também era conhecido por seu braço "incrível"[3] para arremessos a partir do jardim direito.

Pouco depois de decolar em um DC-7 sobrecarregado[4] para levar suprimentos às vítimas de um terremoto na Nicarágua, o avião, onde estava Clemente, caiu e sumiu no mar na costa de Isla Verde, em Porto Rico. Ele resolveu acompanhar a entrega, pois as anteriores foram interceptadas por funcionários nicaraguenses corruptos, na esperança de que sua presença impedisse tais atos.[3] Seu corpo e os dos quatro outros ocupantes do avião nunca foram encontrados.[3] Em Pittsburgh o prefeito declarou luto oficial e uma mensagem de luz foi formada, em espanhol: "Adiós, Amigo Roberto".[3]

Após sua morte o Hall da Fama norte-americano dispensou o período normal de espera, de cinco anos, e elegeu Clemente como o primeiro latino-americano no Hall.[3]

Referências

  1. "Moving Experience", Mark Bechtel, Sports Illustrated, 28/4/2008, pág. 22
  2. "Roberto Clemente, Classe de 1973", Hall da Fama do Beisebol Estadunidense
  3. a b c d e "The Way It Was: Clemente gave till the end", Dick Heller, The Washington Times, 28/12/2009, acessado em 29/12/2009
  4. "Friends of Clemente remember a hero", Connecticut Post, 3/1/2009, acessado em 5/1/2009

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Roberto Clemente
Ícone de esboço Este artigo sobre beisebol é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.