Santa Maria della Visitazione e San Francesco di Sales

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Igreja de Nossa Senhora da Visitação e de São Francisco de Sales
Santa Maria della Visitazione e San Francesco di Sales
Vista lateral
Início da construção 1669
Religião Igreja Católica
Diocese Diocese de Roma
Geografia
País Itália
Região Roma
Local Rione Trastevere
Coordenadas 41° 53' 43.2" N 12° 27' 44.1" E
Notas: Reaberta ao culto em 2005

Santa Maria della Visitazione e San Francesco di Sales ou Igreja de Nossa Senhora da Visitação e de São Francisco de Sales é uma igreja de Roma, Itália, localizada no rione Trastevere, na via delle Mantellate. É dedicada a Nossa Senhora da Anunciação e a São Francisco de Sales. Está localizada dentro do Cárcere de Rainha do Céu.

História[editar | editar código-fonte]

Localização no Mapa de Nolli (1748), nº 1223.

Foi o papa Clemente IX, em 1669, que fundou esta igreja e o mosteiro vizinho para as Irmãs da Visitação, uma ordem religiosa instituída por Joana Francisca Fremiot de Chantal. As "visitandinas" permaneceram no convento até 1793, quando o complexo todo foi adquirido por Vincenzo Masturzi, comerciante de seda, que o cedeu depois para outra congregação religiosa feminina, reconhecida pelo papa Pio VII em 1801, com o nome de Servas de Maria, conhecidas popularmente na Itália com o nome de "le mantellate", que deu origem a um outro nome popular da igreja (Santa Maria delle Mantellate). Esta ordem foi fundada pela filha de Masturzi.

Depois da unificação da Itália, a igreja e o mosteiro foram expropriados pelo novo Governo da Itália, que transformaram o local numa prisão feminina; todo o complexo depois transformou-se em caserna até ser finalmente incorporado ao vizinho Cárcere da Rainha do Céu (Carcere di Regina Coeli).

Mariano Armellini descreve assim o interior da igreja antes de sua desconsagração pelos franceses:

A peça-de-altar do altar-mor é de Carlo Cesi e, no mesmo local, estava um quadro de Guido Reni sobre a "Morte de São José". No altar da direita, uma estátua de São Francisco de Sales, de Francesco Moretti. Esta igreja chegou a ser chamada de Nossa Senhora das Dores. No mosteiro vizinho até a poucos anos atrás, as religiosas da ordem das servidoras, conhecidas como Servas de Maria
 
Mariano Armellini, Armellini, Le chiese di Roma dal secolo IV al XIX, p. 654-655</ref>.

Em novembro de 2005, depois de anos de abandono, a igreja foi restaurada às custas do Departamento da Administração Penitenciária, reconsagrada e novamente reaberta ao culto.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Armellini, M. (1891). Le chiese di Roma dal secolo IV al XIX (em italiano). Roma: [s.n.] p. 654-655 
  • Hülsen, Christian (1927). Le Chiese di Roma nel Medio Evo (em italiano). Florença: [s.n.] p. 240-241 
  • Carpaneto, Giorgio (2000). I rioni e i quartieri di Roma. Rione XIII Trastevere (em italiano). 3. Milão: Newton & Compton Editori. p. 831-923 
  • Rendina, Claudio (2000). Newton & Compton Editori, ed. Le Chiese di Roma (em italiano). Milão: [s.n.] p. 108-109. ISBN 978-88-541-1833-1 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Santa Maria della Visitazione e San Francesco di Sales