Shaguma

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Capacetes Haguma (esquerda) e shaguma (direita).
Tropas Shaguma na Batalha de Ueno, no templo do Parque Ueno.

Shaguma (赤熊, Urso Vermelho?) foi um tipo de peruca utilizada pelos oficiais das tropas imperiais japonesas de Tosa durante a Guerra Boshin (1867-1868). Este tipo de "capacete" era bastante peculiar, envolvendo o uso de longos cabelos coloridos, transmitindo a aparência de um urso.

As perucas Shaguma indicam os oficiais de Tosa, Jinshotai, as perucas Haguma (白熊, "urso branco"?) correspondiam aos oficiais de Chōshū, e as Koguma (黒熊, "Urso preto"?) aos oficiais de Satsuma.

O Shaguma é usado atualmente durante procissões como no Festival de Gion (祇園祭?). Muitos debruçam-se sobre a hipótese deste acessório usado na cabeça dos samurais ter sido inspirado no "cabelo vermelho" dos holandeses durante a sua presença em Nagasaki.[1]

Notas[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Citação: "Shaguma are characters who appear annually in the Gion Matsuri procession. ... The red hair of the shaguma and their grandiose mannerisms are thought to have originally been inspired by the Dutch traders who arrived in Nagasaki" em Matsuri! Japanese festival arts de Gloria Gonick - 2002, p.25