Simon Marius

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde maio de 2012). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Simon Marius
Nome nativo Simon Marius
Nascimento 20 de janeiro de 1573
Gunzenhausen
Morte 5 de janeiro de 1625
Ansbach
Cidadania Alemanha
Progenitores Pai:Reichart Mayr
Alma mater Universidade de Pádua
Ocupação matemático, astrónomo, médico
Religião luteranismo

Simon Marius (Gunzenhausen, 20 de janeiro de 1573Ansbach, 5 de janeiro de 1625) foi um astrônomo alemão.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Em 1614 Marius publicou a obra Mundus Iovalis, descrevendo o planeta Jupiter e suas luas. Na obra, afirmou ter descoberto as quatro maiores luas de Júpiter dias antes de Galileu. Tal afirmação deu início a uma disputa com Galileu. Considera-se possível que Marius tenha descoberto as luas de Júpiter independentemente, mas pelo menos alguns dias depois que Galileu; se tal afirmação for verdadeira, Marius seria a única pessoa que observou as luas no período anterior à publicação das observações de Galileu. Independente desta questão, os nomes mitológicos pelos quais estas luas são conhecidas atualmente (Io, Europa, Ganímedes e Calisto) são aqueles dados por Marius.

Simon Marius também afirmava ser o descobridor da Nebulosa de Andrômeda, que na realidade já era conhecida desde a Idade Média por astrônomos árabes.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]