Talavera da Rainha

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Talavera de la Reina)
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Este artigo é sobre a cidade da província de Toledo. Se procura a fonte de Porto Alegre, consulte Fonte Talavera de La Reina. Para Talavera la Real, veja Talavera la Real . Para outros significados, veja Talavera (desambiguação).
Espanha Talavera da Rainha

Talavera de la Reina

 
  Município  
Talavera colegial.JPG
Símbolos
Bandeira de Talavera da Rainha
Bandeira
Brasão de armas de Talavera da Rainha
Brasão de armas
Gentílico talabricense (R.A.E.)]
Localização
Talavera da Rainha está localizado em: Espanha
Talavera da Rainha
Localização de Talavera da Rainha na Espanha
Coordenadas 39° 58' N 4° 50' O
Comunidade autónoma Castela-Mancha
Província Toledo
Alcaide Gonzalo Lago (PP) (2011)
Características geográficas
Área total 192 km²
População total (2011) 89 414 hab.
Densidade 465,7 hab./km²
Altitude 373 m
Código postal 45600
www.talavera.org

Talavera da Rainha (em castelhano: Talavera de la Reina é um município da Espanha na província de Toledo, comunidade autónoma de Castela-Mancha, de área 192 km² com população de 90.000 habitantes (2012) e densidade populacional de 433,26 hab/km².[1]

Toponímia[editar | editar código-fonte]

Fundada por Talábriga (em latim: Talabriga) pelos celtas, com a conquista romana da Hispânia foi chamada Cesaróbriga (em latim: Caesarobriga).[2] Tito Lívio chama-a Ébura (em latim: Aebura). Após a chegara dos mouros, foi chamada Talabira.[3]

Demografia[editar | editar código-fonte]

Variação demográfica do município entre 1991 e 2004
1991 1996 2001 2004 2011
68000 70922 75369 80305 88414

Referências

  1. «Censo 2011». Instituto Nacional de Estatística (Espanha). Consultado em 30 de dezembro de 2013. Arquivado do original em 15 de fevereiro de 2012 
  2. Editores 1900, p. 2-3.
  3. Ruiz 2012, p. 208.
Ícone de esboço Este artigo sobre Municípios da Espanha é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.


Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Editores (1900). «O Arqueólogo Português». Lisboa: Museu Nacional de Arqueologia e Etnologia. V 
  • Ruiz, Ana (2012). Medina Mayrit: The Origins of Madrid. Madri: Algora Publishing