Tao Porchon-Lynch

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Tao Porchon-Lynch
Nascimento 13 de agosto de 1918
Canal da Mancha
Morte 21 de fevereiro de 2020 (101 anos)
White Plains, Estados Unidos
Nacionalidade norte-americana
Cidadania França
Ocupação atriz, escritora, mestre de ioga
Prêmios
  • Padma Shri in other fields (2019)
Página oficial
http://www.taoporchon-lynch.com/

Tao Porchon-Lynch (Canal da Mancha, 13 de agosto de 1918White Plains, 21 de fevereiro de 2020) foi uma atriz, escritora e mestre de ioga norte-americana, sendo registrada em 2012 no Livro Guinness dos Recordes como "a professora de ioga mais velha do mundo" aos 93 anos de idade.[1][2]

Autora do livro Reflections: The Yogic Journey of Life, também foi atriz da Metro-Goldwyn-Mayer nas décadas de 1940 e 1950. Viveu no Condado de Westchester e mantinha um instituto de ioga.[3][4]

Morreu no dia 21 de fevereiro de 2020, aos 101 anos.[5]

Referências

  1. «Folha.com - Fotografia - Equilibrio e saude - Professora de yoga de 93 anos - 15/05/2012». fotografia.folha.uol.com.br. 2012. Consultado em 15 de maio de 2012 
  2. «GWR Recognizes Mother's Day With the Oldest Female Competitive Bodybuilder and Oldest Living Yoga Teacher - - - Latest news - Guinness World Records». guinnessworldrecords.com. 2012. Consultado em 15 de maio de 2012 
  3. «Bio». taoporchon-lynch.com. 2012. Consultado em 15 de maio de 2012. Arquivado do original em 2 de abril de 2010 
  4. «Profile: 93-Year-Old Yoga Master Tao Porchon Lynch, a Westchester County Resident - Westchester Magazine - November 2011 - Westchester, NY». westchestermagazine.com. 19 de outubro de 2011. Consultado em 15 de maio de 2012 
  5. Ramaswamy, Swapna (22 de fevereiro de 2020). «Tao Porchon-Lynch, the world's oldest yoga teacher who marched with Gandhi, dies at 101». The Journal News (em inglês). Consultado em 22 de fevereiro de 2020 
Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço relacionado ao Projeto Biografias. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.