Tecmundo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
TecMundo
Slogan Tecnologia simples para todos[1]
Proprietário(s) Grupo NZN
Requer pagamento? Não
Gênero Tecnologia
Cadastro público (cadastro na NZN)
País de origem Brasil
Idioma(s) Português
Lançamento 2008
Desenvolvedor Grupo NZN
Endereço eletrónico www.tecmundo.com.br

TecMundo é um site sobre tecnologia mantido pela NZN.[2] A empresa também é responsável pelos sites Baixaki, Voxel, Minha Série e Mega Curioso, entre outros.

Descrição[editar | editar código-fonte]

Nascido como um braço do site Baixaki em 2005, o TecMundo publica notícias, artigos e conteúdos especiais relacionados a tecnologia, incluindo telefonia móvel, hardware, redes sociais, internet e grandes empresas do ramo.

A linha editorial trabalha com matérias mais concisas e diretas, como as notícias, e outras mais aprofundadas, como artigos e análise de celulares e itens de hardware (por exemplo, placas de vídeo e periféricos). Além disso, o TecMundo produz infográficos sobre diversas ramificações da área de tecnologia. O site também conta com análises de produtos em vídeo.

A equipe do TecMundo ainda faz cobertura de eventos nacionais e internacionais, tanto por meio de transmissão online quanto ao vivo.

Histórico[editar | editar código-fonte]

Antigo logotipo do TecMundo.

O primeiro site lançado pelo Grupo NZN foi o Baixaki, em outubro de 2000, com foco em disponibilizar conteúdo em português sobre programas e jogos para download. Com o tempo, o interesse do site se expandiu, abrangendo dicas de manutenção de computadores, novidades sobre smartphones e análise de peças de hardware, por exemplo. Esse novo conteúdo então foi separado do Baixaki, dando origem ao site TecMundo[3] em 2008.

Números do TecMundo[editar | editar código-fonte]

De acordo com o Google Analytics (ferramenta para monitorar os acessos de um site), o TecMundo contabilizou treze milhões de usuários únicos e 42,6 milhões de números de acesso em dezembro de 2013.

A página do TecMundo no Facebook possui mais de 6,1 milhões de curtidas, enquanto o perfil no Twitter conta com 630 mil seguidores. No Instagram, o TecMundo soma mais de 630 mil seguidores. Já no canal do YouTube, o site conquistou mais de 3,4 milhões de inscritos.[4]

Referências

  1. Twitter oficial
  2. «TecMundo lança comparador de celular». Consultado em 25 de janeiro de 2020 
  3. Tecmundo: O site de tecnologia do Baixaki. www.tecmundo.com.br. Página visitada em 10 de fevereiro de 2014.
  4. «Grupo NZN Midia-kit». Grupo NZN. Consultado em 11 de fevereiro de 2014. Arquivado do original em 2 de setembro de 2016 
Ícone de esboço Este artigo sobre um website é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.