Tomás Quintino Antunes

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Quintino Antunes in O Occidente (1898)

Tomás Quintino Antunes[1] (Lisboa, 1820 — Lisboa, 16 de Fevereiro de 1898), 1.º conde de São Marçal foi um empresário e jornalista português.


Dono da "Tipografia Universal de Tomás Quintino Antunes"[2], foi co-fundador, em conjunto com Eduardo Coelho, do Diário de Notícias[3][4] de Lisboa.

Referências

  1. (em grafia antiga Thomaz Quintino Antunes)
  2. Câmara Municipal de Cantanhede (Coimbra, Portugal) (1989). Catálogo da Biblioteca Amorim Pessoa. Col: Catálogos e bibliografias. 5. ‎Coimbra: Biblioteca Geral da Universidade. p. 306. OCLC 33939243. Consultado em 16 de Dezembro de 2013 
  3. «Colecção de Jornais 1919-10-05/1985-03-12 : Diário de Notícias». Arquivo Histórico de Albufeira. Consultado em 16 de Dezembro de 2013. Arquivado do original em 16 de dezembro de 2013 
  4. Teresa Sobral Cunha (2011). «Lugares e figuras: Cesário Verde». Biblioteca Nacional de Portugal. p. 2. Consultado em 16 de Dezembro de 2013 
Ícone de esboço Este artigo sobre um empresário é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.