Tomb of the Mutilated

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Tomb of the Mutilated
Álbum de estúdio de Cannibal Corpse
Lançamento 22 de setembro de 1992
Gravação junho de 1992, no Morrisound
Gênero(s) Death metal
Duração 35:11
Gravadora(s) Metal Blade
Produção Scott Burns
Cronologia de Cannibal Corpse
Butchered at Birth
(1991)
The Bleeding
(1994)

Tomb of the Mutilated é o terceiro álbum de estúdio da banda Cannibal Corpse, lançado em 1992. O álbum foi gravado em junho de 1992 no estúdio Morrisound, com a produção de Scott Burns. A capa, assinada por Vince Locke, trazia dois cadáveres em decomposição fazendo sexo oral. Essa capa foi censurada em vários países, forçando o gupo a lançar uma versão alternativa, a qual foi lançada no Brasil pela gravadora Roadrunner Records. Este trabalho foi marcado como o último do guitarrista e fundador Bob Rusay, que acabaria abandonando a carreira de músico tempos depois.

A faixa "Hammer Smashed Face" é considerada pelos fãs com uma de suas melhores músicas; a banda aparece tocando a canção no filme Ace Ventura: Pet Detective, de 1994. A canção "I Cum Blood" foi incluída no jogo eletrônico Grand Theft Auto IV: The Lost and Damned.

Em 2005, Tomb of the Mutilated ficou na posição 278 do livro dos 500 maiores álbuns de Rock & Metal de todos os tempos da revista Rock Hard.[1]

A voz ouvida na introdução de "Addicted to Vaginal Skin" é, provavelmente, da confissão do serial killer Arthur Shawcross, gravada em cassete.

Faixas[editar | editar código-fonte]

Todas as letras escritas e vocais arranjados por Chris Barnes. Músicas creditadas a Cannibal Corpse.

N.º Título Duração
1. "Hammer Smashed Face"   4:04
2. "I Cum Blood"   3:41
3. "Addicted to Vaginal Skin"   3:31
4. "Split Wide Open"   3:02
5. "Necropedophile"   4:05
6. "The Cryptic Stench"   3:57
7. "Entrails Ripped from a Virgin's Cunt"   4:15
8. "Post Mortal Ejaculation"   3:37
9. "Beyond the Cemetery"   4:53
10. "I Cum Blood (Live)" (A versão de 2002 credita a música como faixa bônus.) 4:13

Versão Japonesa[editar | editar código-fonte]

N.º Título Duração
10. "The Exorcist" (cover de Possessed) 4:37
11. "Zero the Hero" (cover de Black Sabbath) 6:35

Créditos[editar | editar código-fonte]

Produção
  • Produção, engenharia de áudio e mixagem à cargo de Scott Burns

Referências

  1. [...], Rock Hard (Hrsg.). [Red.: Michael Rensen. Mitarb.: Götz Kühnemund] (2005). Best of Rock & Metal die 500 stärksten Scheiben aller Zeiten. Königswinter: Heel. p. 103. ISBN 3-89880-517-4