Vicente Ferrer de Almeida

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Text document with red question mark.svg
Este artigo ou secção contém fontes no fim do texto, mas que não são citadas no corpo do artigo, o que compromete a confiabilidade das informações. (desde outubro de 2012)
Por favor, melhore este artigo inserindo fontes no corpo do texto quando necessário.

Vicente Ferrer D'Almeida (Lavras do Sul, 1810 — ) foi um militar e escrivão brasileiro. Era filho do oficial português José Maria de Almeida, que desembarcara em Montevidéu durante os confrontos Portugal-Espanha.

Combateu na Guerra Cisplatina (1825-1828), no posto de alferes. Ao término da guerra, desmobilizado do exército do sul, fixou-se em Piratini, onde casou com com Thomasia Zeferina Mattos, filha do construtor português José de Mattos de Guimarães.

No posto de capitão comandou o corpo de Lanceiros Negros farroupilhas, em inúmeros combates. Foi ministro na República Rio-Grandense no período em que Caçapava era a capital.

Após a contenda, radicou-se na então vila de Canguçu, onde foi escrivão. Lavrou a ata da sessão que elevou a vila de Canguçu à categoria de município em 1857. Foi o primeiro funcionário da Câmara de Canguçu.

Referências[editar | editar código-fonte]

  • BENTO, Cláudio Moreira .Sesquicentenário da Revolução Farroupilha. Diário Popular,Pelotas,2o de setembro de 1985(Edição Histórica a seu cargo).
  • BENTO, Cláudio Moreira.O Exercito Farrapo e os seus chefes. Rio de Janeiro:BIBLIEx,1992.2v
  • FETTER Jr., Antônio Adolfo. Pioneiros, guerreiros, aventureiros e seus herdeiros. Editora da UFPEL.
  • LOPES NETO, João Simões .Síntese histórica de Canguçu. Revista do Centenário de Pelotas n o 4 ,1912 .
  • O POVO, (Quadro de Organização do Exército Farrapo ) p. 21/22
Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.