Wolfgang Iser

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Wolfgang Iser
Nome nativo Wolfgang Iser
Nascimento 22 de julho de 1926
Marienberg
Morte 24 de janeiro de 2007 (80 anos)
Constança
Cidadania Alemanha
Alma mater Universidade de Leipzig
Ocupação linguista, escritor, professor universitário, crítico literário
Empregador Universidade de Würzburgo, Universidade de Colônia, Universidade de Heidelberg

Wolfgang Iser (Marienberg (Saxônia), Alemanha, 22 de julho de 192624 de janeiro de 2007) foi professor de Inglês e Literatura Comparada na Universidade de Constance na Alemanha. Junto com seu colega Hans Robert Jauss, Iser é o maior expoente da Teoria da recepção, que fundamenta suas bases na própria crítica literária alemã.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Ato Da Leitura. V.1 e 2 EDITORA 34, 1996 e 1999.
  • Fictício e o Imaginário. RJ: Eduerj, 1996.
  • Futuro da Universidade. RJ: Eduerj, 2002.
  • Literatura e o Leitor SP: PAZ E TERRA, 2011.
Alemão
  • Die Weltanschauung Henry Fieldings (1952)
  • Walter Pater. Die Autonomie des Ästhetischen (1960)
  • Der implizite Leser. Kommunikationsformen des Romans von Bunyan bis Beckett (1972)
  • Der Akt des Lesens. Theorie ästhetischer Wirkung (1976)
  • Laurence Sternes "Tristram Shandy". Inszenierte Subjektivität (1987)
  • Shakespeares Historien. Genesis und Geltung (1988)
  • Das Fiktive und das Imaginäre. Perspektiven literarischer Anthropologie (1991)
Inglês
  • Implied Reader. NY: JOHNS HOPKINS (1978)
  • Act of Reading - A Theory of Aesthetic Response. NY: JOHN HOPKINS (1980)
  • Prospecting: From Reader Response to Literary Anthropology. NY: JOHN HOPKINS (1989)
  • Staging Politics: The Lasting Impact of Shakespeare's Histories
  • The Range of Interpretation (2000)
  • How to Do Theory (2006)

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre literatura é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.