Yuliya Efimova

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Yuliya Efimova
Swimming pictogram.svg Natação Swimming pictogram.svg
Nome completo Yuliya Andreyevna Efimova
Estilo Peito
Nascimento 3 de abril de 1992 (25 anos)
Grozny, Chechênia
Nacionalidade russa
Compleição Altura: 1,78 m

Yuliya Andreyevna Efimova (em russo: Юлия Андреевна Ефимова; Grozny, 3 de abril de 1992) é uma nadadora russa.[1]

Carreira[editar | editar código-fonte]

Participou das Olimpíadas de Pequim em 2008 com apenas 16 anos, ficando em quarto lugar nos 100 metros peito e em quinto nos 200 metros peito e nos 4x100 m medley com a equipe russa.

No Campeonato Mundial de Roma em 2009, conquistou uma medalha de ouro e uma de prata.

Foi recordista mundial dos 50 m peito entre 2 e 6 de agosto de 2009.

Nos Jogos Olímpicos de 2016 obteve medalhas de prata no 100 m e 200 m peito.[2] Sua participação foi controversa, já que o Tribunal Arbitral do Esporte liberou Efimova, então suspensa por doping, no dia exato da aberta das Olimpíadas.[3]

Dopagem[editar | editar código-fonte]

Em seu exame antidopagem em 2013 foi detectada a substância proibida DHEA.[4] Foi suspensa por 16 meses, de 31 de outubro de 2013 a 28 de fevereiro de 2015, assim como foi despojada de suas marcas e medalhas obtidas no Campeonato Europeu de Natação em Piscina Curta de 2013.[5] Novo exame em março de 2016 revelou que Efimova havia consumido outra substância proibida, meldonium. A reincidência tornou possível o banimento,[6] e chegou a excluí-la dos Jogos Olímpicos no mesmo ano.[7] Mas após investigação da WADA,[8] e um apelo ao Tribunal Arbitral do Esporte, a punição de Efimova foi suspensa e permitiu seu retorno aos Jogos.[9] A participação de Efimova nas Olimpíadas em meio a um controverso esquema de doping na Rússia levou a críticas de outras nadadoras e vaias do público no Rio de Janeiro.[10]

Referências

  1. Dados no Sports Reference
  2. «Kaneto wins women's 200m breaststroke, Efimova silver» (em inglês). Reuters. 12 de agosto de 2016 
  3. «Rio 2016 Olympics: Yulia Efimova cleared to compete after appeal». BBC Sport. 6 de agosto de 2016. Consultado em 12 de agosto de 2016 
  4. «Russian Olympic Medal-Winning Swimmer Efimova Fails Doping Test – Report» (em inglês). Sputnik News. 17 de janeiro de 2014 
  5. «Russian swimmer Yulia Yefimova disqualified for 1 year and 4 months for doping» (em inglês). TASS. 13 de maio de 2014 
  6. Medalhista olímpica russa cai em antidoping e pode ser banida da natação
  7. Baldwin, Alan (25 de julho de 2016). «Efimova, six other Russians ruled out of Rio». Reuters. Consultado em 7 de agosto de 2016 
  8. Press, Associated (6 de agosto de 2016). «Russian swimmer Yulia Efimova on 100m breaststroke start list». NBC. Consultado em 7 de agosto de 2016 
  9. FINA, Communications Department (15 de julho de 2016). «July 15, 1016 FINA Statement on Yulia Efimova». FINA. Consultado em 16 de agosto de 2016 
  10. "In the Olympic Pool, Contempt for Drug Cheats Rises to the Surface". nytimes.com. 9 August 2016. Retrieved 11 August 2016.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]