Agulha do Tour

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Agulha do Tour
Aiguille du Tour
Glaciar do Trient, Agulha do Tour, acima de Champex
Agulha do Tour Aiguille du Tour está localizado em: Suíça
Agulha do Tour
Aiguille du Tour
Coordenadas 45° 59' 40" N 07° 0' 37" E
Altitude 3 540 m
Localização Flag of Canton of Valais.svg Valais - Suíça
Blason Rhône-Alpes Gendarmerie.svg Ródano-Alpes -  França
Cordilheira Maciço do Monte Branco
Primeira ascensão 22 Jul, 1876 por por J. H. Backhouse, D. Balleys, T. H. Carson, Douglas William Freshfield, C. C. Tucker com Michel Payot
Rota mais fácil aresta Sul a partir do Refúgio Alberto I

Agulha do Tour - Aiguille du Tour em francês - é uma montanha do Maciço do Monte Branco, que faz fronteira entre o cantão do Valais na Suíça e o Ródano-Alpes na França.

É uma das montanhas mais fáceis do Maciço do Monte Branco pelas vias normais, pelo Norte ou pelo Sul, sendo este ainda mais fácil que o do Norte. Além disso mesmo o acesso ao ou e a partir do Refúgio Alberto I. Esta facilidade não impede que seja o no 15 das 100 mais belas corridas de montanha.

Na parte setentrional da montanha, lado francês, encontra-se o Glaciar do Tour, e do lado suíço o Glaciar do Trient,

Características[editar | editar código-fonte]

Via normal Sul a partir do Refúgio Alberto I

  • Altitude; 3 540 m
  • Desnível; + 640m
  • Dificuldade; 100 m
  • Inclinação mea,; 35 o
  • Confuguração; percurso glaciar
  • Orientação principal; E
  • Cotação global; F
  • Cotação global esqui; PD+
  • Compatível; snowboard

Via normal[editar | editar código-fonte]

A primeira ascensão teve lugar a 22 de Julho de 1876 por J. H. Backhouse, D. Balleys, T. H. Carson, Douglas William Freshfield, C. C. Tucker com Michel Payot.

A via normal é como uma corrida de iniciação ideal e variada com uma parte em glaciar de marcha de aproximação, e depois um percurso rochoso até ao cume.

Imagens[editar | editar código-fonte]

Imagem exterior com informação dos itinerrios (em francês) Em preto a via normal; a azul o corredor da mesa; a preto a aresta SW da Mesa do Roc.

Referências