Artesão

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Ambox important.svg
Foram assinalados vários aspectos a serem melhorados nesta página ou secção:
Artesão.

Artesão é um profissional que fabrica produtos através de um processo manual ou com auxílio de ferramentas. Sua profissão usualmente requer algum tipo de habilidade ou conhecimento especializado na sua prática. No período que antecede a Revolução Industrial a profissão está associada a produção artesanato ou em pequena escala de bens e produtos, quando artesãos se associavam em guildas ou corporações de ofício. No contexto contemporâneo, o artesão é aquele que produz itens de carácter funcional ou decorativo, conhecidos como artesanato, a partir do qual ele obtém a sua renda.

Considerando a forma de produção, o artesão pode ser:

  • Artesão-artista: é aquele que por sua criatividade, originalidade, graciosidade e perícia produz peças que provocam profundo sentimento de admiração naqueles que as observam. Exemplos: talhadores, gravadores, escultores, pintor ingênuo (arte naif) etc.
  • Artesão-artesão: é aquele que trabalha em série, muitas vezes com ajuda de ferramentas e mecanismos rudimentares, produzindo dezenas de peças, centrado mais no aspecto utilitário das peças que produz que em despertar no observador o sentimento de beleza. Cerâmica ornamentada produzida manualmente com ou sem torno de pé.
  • Artesão semi-industrial: é aquele que trabalhando a partir de moldes ou e de outros processos semi-industriais reproduz dezenas de peças iguais. Ex: peças utilitárias de cerâmica produzidas de forma semi-industrial (tigelas, jarros, jóias, potes etc).

Artesãos medievais[editar | editar código-fonte]

Os artesãos medievais ou mesteirais eram os profissionais especializados que fabricavam produtos ou prestavam serviços. Os artesãos medievais dividiam-se entre aqueles que operavam o seu próprio negócio e aqueles trabalhavam para outrem. Os que tinham o seu próprio negócios eram designados "mestres". Os restantes deram designados "oficiais" ou "jornaleiros" se já tinham terminado a sua aprendizagem e "aprendizes" se ainda estavam em processo de aprendizagem. Os mestres constituíam o grupo mais influente de entre os artesãos, gozando normalmente de um estatuto social elevado no seio das suas comunidades.

Antigos ofícios tradicionais de artesão[editar | editar código-fonte]