Biologia pesqueira

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Searchtool.svg
Esta página ou secção foi marcada para revisão, devido a inconsistências e/ou dados de confiabilidade duvidosa. Se tem algum conhecimento sobre o tema, por favor verifique e melhore a consistência e o rigor deste artigo. Pode encontrar ajuda no WikiProjeto Ciência.

Se existir um WikiProjeto mais adequado, por favor corrija esta predefinição.

Question book.svg
Este artigo não cita fontes confiáveis e independentes (desde janeiro de 2014). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

Biologia pesqueira é a disciplina das ciências pesqueiras que estuda as pescarias do ponto de vista da biologia das espécies capturadas. O seu objectivo principal é fornecer aos pescadores, aos gestores de pescarias e ao público em geral, uma informação rigorosa sobre a quantidade máxima de cada espécie que pode ser capturada numa pescaria sem pôr em causa a sua sustentabilidade.

No entanto, os biólogos pesqueiros também se preocupam com outros aspectos que não têm uma utilidade tão imediata, como por exemplo, as relações tróficas entre diferentes espécies, os efeitos da pesca na biodiversidade.

Para este fim, os biólogos pesqueiros servem-se de várias disciplinas, desde a ecologia, a fisiologia, a biologia marinha, a sistemática, a matemática e outras.

Ícone de esboço Este artigo sobre Biologia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
Ícone de esboço Este artigo sobre Ciência (genérico) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.