Portal:Biologia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Conteúdo · Temas gerais · Resumo do conhecimento · Portais · Categorias · Anexos por tema · Glossários · Índice A-Z

 ver·editar Portal de Biologia
Darlingtonia californica.jpg

A biologia é o estudo da vida (do grego bios = vida e logos = estudo). Debruça-se sobre as características e o comportamento dos organismos, a origem de espécies e indivíduos, e a forma como estes interagem uns com os outros e com o seu ambiente. A biologia abrange um espectro amplo de áreas acadêmicas frequentemente consideradas disciplinas independentes, mas que, no seu conjunto, estudam a vida às mais variadas escalas.

A vida é estudada à escala atômica e molecular pela biologia molecular, pela bioquímica e pela genética molecular, ao nível da célula pela biologia celular e à escala multicelular pela fisiologia, pela anatomia e pela histologia. A biologia do desenvolvimento estuda a vida ao nível do desenvolvimento ou ontogenia do organismo individual.

 ver·editar Artigo destacado
Humpback underwater.jpg

O canto das baleias é o nome dado ao som produzido por elas para se comunicarem. A palavra "canção" é usada particularmente para descrever o padrão de sons habituais e predizíveis produzidos por algumas espécies de baleias (particularmente a jubarte) de maneira muito semelhante às regras rítmicas em composições musicais feitas por humanos.

Os mecanismos utilizados para produzir som variam de uma família de cetáceos para outra. Mamíferos marinhos, como as baleias, golfinhos e marsuínos, dependem muito mais do som para comunicação e percepção do meio que os mamíferos terrestres, em razão de outros sentidos serem efetivamente limitados na vida submersa. A visão é limitada para os mamíferos marinhos pela forma como a água refrata a luz. O olfato também é limitado, pelo fato de as moléculas dispersarem-se mais lentamente na água do que no ar, o que faz com que tal sentido seja menos efetivo. Além disso, a velocidade do som na água é aproximadamente quatro vezes maior do que na atmosfera ao nível do mar. Pelo fato de os mamíferos marinhos serem tão dependentes da escuta para se comunicar e alimentar, ambientalistas e cetologistas temem que eles sejam prejudicados pelo crescente barulho ambiente nos oceanos, causados por navios e levantamentos sísmicos marinhos.


Artigos destacados recentemente: A Viagem do Beagle - Urso-polar
 ver·editar Biografia
Louis Agassiz

Sir Frank Macfarlane Burnet OM, KBE (3 de Setembro de 189931 de Agosto de 1985), também conhecido como Macfarlane ou Mac Burnet, foi um médico virologista australiano conhecido por suas contribuições no estudo da imunologia.

Burnet graduou-se em medicina na Universidade de Melbourne em 1924, e obteve o título de Ph.D em 1928 pela Universidade de Londres. Conduziu estudos pioneiros de investigação sobre bacteriófagos e vírus no Walter & Eliza Hall Institute, atuando como diretor do instituto de 1944 até 1965. Seu trabalho proporcionou importantes descobertas no campo da imunologia e virologia.

Em meados dos anos 1950 ele trabalhou extensivamente na área de imunologia, contribuindo para a criação da teoria da seleção clonal, que explica como linfócitos selecionam antígenos para destruição. Burnet e Peter Brian Medawar receberam em 1960 o Nobel de Fisiologia ou Medicina, demonstrando o mecanismo de tolerância imunológica adquirida. Este trabalho proporcionou bases experimentais sobre a indução da tolerância imunológica, levando ao desenvolvimento de novas terapias para o transplante de órgãos.


Biografias destacadas recentemente: Jean Louis Rodolphe Agassiz
 ver·editar Imagem destacada
Tiger-zoologie.de0001 22.JPG
Tigre siberiano (Panthera tigris altaica) - O maior felino do mundo.

Imagens destacadas recentemente: Samambaia
 ver·editar Você sabia?

Variações anuais e infra-anuais em ecossistemas subterrâneos: implicações para estudos ambientais e preservação de cavernas

     São analisados resultados de estudos de médio de longo prazo e observações ao longo de anos, demonstrando variações anuais, sazonais e infra-anuais (períodos superiores a um ano), em ecossistemas cavernícolas brasileiros. São abordadas comunidades de morcegos e de invertebrados em diferentes áreas cársticas brasileiras, com ênfase no Alto Ribeira (SE Brasil). Para descrição da diversidade taxonômica das comunidades subterrâneas e compreensão do funcionamento desses ecossistemas singulares, é necessário esforço amostral compatível com seu dinamismo, testado quanto à sua suficiência, sobretudo quando o objetivo é classificar cavernas em graus de relevância. A inadequação da atual política de proteção ao patrimônio espeleológico brasileiro, recentemente flexibilizada pelo Decreto 6640/2008 e correspondente IN MMM 2/2009, é discutida com foco nas suas evidentes falhas conceituais e metodológicas, propondo-se sua total revisão. Palavras-chave. Ecossistemas subterrâneos, variações anuais e infra-anuais, protocolos de estudos ambientais.


Panda closeup.jpg

...o Panda-gigante é classificado como um mamífero carnívoro, porém a base de sua alimentação são as folhas do bambu.
...a epiderme do manto, um orgão dos moluscos, segrega o carbonato de cálcio que cria a concha do animal.
...que o Tigre-siberiano é o maior mamífero carnívoro terrestre do mundo, e pode chegar ao dobro da compleição de um Leão adulto.
...o melasma é uma pigmentação excessiva da pele que normalmente afecta as grávidas devido à produção anormal de melanina.

 ver·editar Por temas
 ver·editar Navegação
 ver·editar Colabore!

Revisar/Reciclar:


Fundir/Traduzir:


Desenvolver:


Pedidos:

Obs: Ao criar novos artigos procure criar os possíveis redirecionamentos.

Sem imagem:

Neritina virginea

 ver·editar Wikiprojetos

Projecto Biologia

Projecto Árvore da Vida

Projecto Evolução