Bossa Nova - 50 Anos

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Bossa Nova - 50 anos)
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Este artigo ou se(c)ção cita uma ou mais fontes fiáveis e independentes, mas ela(s) não cobre(m) todo o texto.
Por favor, melhore este artigo providenciando mais fontes fiáveis e independentes e inserindo-as em notas de rodapé ou no corpo do texto, conforme o livro de estilo.
Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoYahoo!Bing. Veja como referenciar e citar as fontes.

Bossa Nova - 50 Anos foi um programa de televisão exibido pela Rede Globo no dia 28 de setembro de 2008. O especial foi apresentado por Ana Furtado e reuniu os cantores Roberto Carlos e Caetano Veloso, que cantaram músicas de Tom Jobim e de parceiros como Elis Regina e Vinicius de Moraes. O especial foi uma homenagem aos 50 anos da Bossa Nova no Brasil.

O Show[editar | editar código-fonte]

O show foi realizado no Auditório do Ibirapuera nos dias 25 e 26 de agosto. O telespector conferiu a exibição de clássicos como Garota de Ipanema, Wave, Samba do Avião e Teresa da Praia, entre outros. Na audiência, a atração registrou 11 pontos de média, sendo exibido após o seriado Faça Sua História, na emissora.[1]

A Apresentação[editar | editar código-fonte]

A apresentação do especial esteve a cargo da atriz Ana Furtado que, desde o dia 18 de setembro, pôde ser vista ao longo da programação da TV Globo, em comerciais trazendo informações sobre a Bossa Nova. O público ficou sabendo, por exemplo, que o movimento começou com a música Chega de Saudade e que, em 1962, tradicional casa de concertos Carnegie Hall, em Nova York, abriu seu palco para um grande show reunindo diversos artistas da Bossa Nova.

Referências

Ícone de esboço Este artigo sobre Televisão no Brasil é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.