Camionista

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
O profissional actuando

Camionista (português europeu) ou caminhoneiro (português brasileiro) é um profissional autorizado, para exercer a condução de um veículo pesado de mercadorias.

Os camionistas e/ou caminhoneiros podem ser "do nacional", isto é, efectuam regularmente serviços dentro do país, ou "do internacional / TIR", que efectuam regularmente serviços fora do país[1] .

Reconhecem-se ainda como sub-especialidades as seguintes:

  • Lonas (diversos produtos)
  • Frigo (produto conservado a baixa temperatura)
  • Porta-carros (cegonhas)
  • Silos (grãos)
  • Betoneiras (cimento e concreto)
  • Cisternas (produtos líquidos, Polvorentos)
  • Transportes especiais (cargas leves, frágeis e/ou sensíveis)
  • Estrado (Ex: Ferro)
  • Porta-Contentores
  • e outros caminhoneiros que carregam qualquer carga no brasil e fora do brasil

Os camiões não estão autorizados a circular a mais de 120Km/h(Europa), estando para isso equipados com um Limitador de Velocidade.

Os camiões estão ainda equipados com um tacógrafo que regista ao minuto o tempo de trabalho e de descanso do motorista, velocidades e quilómetros iniciais e finais de cada percurso.[2] .

Dia do Motorista[editar | editar código-fonte]

A data escolhida para a comemoração do dia do motorista é 25 de Julho, dia também do padroeiro universal dos motoristas: São Cristóvão. Por causa disto, no Brasil há inúmeras comemorações e festas em homenagem ao motorista, sendo a mais conhecida, a de Aparecida, onde milhares de camiões no Brasil inteiro se reúnem anualmente, para comemorar juntamente com São Cristóvão e Nossa Senhora Aparecida o dia do motorista.

Dia do Camionista[editar | editar código-fonte]

Também é comemorada no Brasil o dia do Camionista no dia 30 de Junho. Essa é diferenciada do dia do motorista para diferenciar as classes de Motorista e Camionista, pois a classe Motorista é genérica, incluindo também motoristas de veículos não motorizados, como: barcos, navios e até carroças.

Quase nem um desses profissionais levam as suas famílias consigo em suas viagens, em decorrência disso nos últimos doze anos houve um grande aumento nos casos de abandono paterno, na maioria desses casos os pais eram Camionistas[2] .

Referências

  1. http://www.ooida.com OOIDA - Owner-Operator Independent Driver Association (em inglês)
  2. a b http://www.truckline.com ATA - American Trucking Association (em inglês)
Ícone de esboço Este artigo sobre uma profissão é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.