Charles Pepys, 1.º Conde de Cottenham

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
1.º Conde de Cottenham
Lord Cottenham vestindo trajes cerimoniais quando presidia a Câmara dos Lordes como Lord Chancellor. Detalhe de uma pintura de Charles Robert Leslie.
Lord Chancellor
Mandato 6 de julho de 1846
até 19 de junho de 1850
Antecessor(a) Lord Lyndhurst
Sucessor(a) Lord Truro
Lord Chancellor
Mandato 16 de janeiro de 1836
até 30 de agosto de 1841
Antecessor(a) Lord Lyndhurst
Sucessor(a) Lord Lyndhurst
Vida
Nome completo Charles Christopher Pepys
Nascimento 29 de abril de 1781
Reino Unido Londres
Morte 29 de abril de 1851 (70 anos)
Flag of Duchy of Lucca.gif Pietrasanta
Nacionalidade Reino Unido britânico
Dados pessoais
Alma mater Trinity College, Cambridge
Esposa Caroline Wingfield-Baker
Partido Whig
Religião anglicano

Charles Christopher Pepys, 1.º Conde de Cottenham PC, KC (29 de abril de 1781 - 29 de abril de 1851) foi um jurista, juíz e político britânico, por duas vezes foi Lord Chancellor.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Pepys nasceu em Londres, como segundo filho de Sir William Pepys, 1.º Baronete que descendia de John Pepys, de Cottenham, Cambridgeshire, um tio-avô de Samuel Pepys o diarista. Educado na Harrow School e na Trinity College, em Cambridge[1] .

Praticante da chancelaria, o progresso de Cottenham era lento, e não foi até 22 anos após a sua chamada que foi feito a um Conselheiro do Rei. Ele conseguiu assento no Parlamento, sucessivamente, por Higham Ferrers e Malton, sendo nomeado Procurador Geral em 1834, e no mesmo ano tornou-se "Master of Rolls". Sobre a formação do segundo gabinete de Lord Melbourne em abril de 1835, o grande selo foi por um tempo em comissão, mas eventualmente Cottenham, que tinha sido um dos comissários, foi nomeado Lord Chancellor (janeiro de 1836) e era, ao mesmo tempo elevado à nobreza como "Barão Cottenham", de Cottenham no condado de Cambridge. Ele permaneceu na presidência até a derrota do ministério em 1841. Em 1846 ele tornou-se novamente em Lord Chancellor de Lord John Russell. Sua saúde, entretanto, vinha gradualmente se deteriorando, e ele renunciou em 1850. Pouco antes de sua aposentadoria, ele foi criado "Visconde Crowhurst", de Crowhurst no condado de Surrey, e "Conde de Cottenham", de Cottenham no condado de Cambridge. Ele viveu em Prospect, Wimbledon entre 1831-1851. Ele sucedeu seu irmão mais velho como terceiro Baronete em 1845.

Referências

  1. Venn, J.; Venn, J. A., eds. (1922–1958). "Pepys, Charles Christopher". (em inglês) Alumni Cantabrigienses (10 vols) (online ed.). Cambridge University Press.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Precedido por
Criação do condado
Conde de Cottenham
18501851
Sucedido por
Charles Edward Pepys,
2.º Conde de Cottenham
Precedido por
Lord Lyndhurst
Lord Chancellor
18461850
Sucedido por
Lord Truro
Precedido por
Lord Lyndhurst
Lord Chancellor
18361841
Sucedido por
Lord Lyndhurst