Coelhinha

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Thaiz Schmitt, Márcia Spézia, e Ana Lúcia Fernandes, as coelhinhas da Playboy Brasil, durante a Campus Party de 2009.

No Universo da Playboy, o termo Coelhinha, distintamente das playmates, faz referência às funcionárias que trabalham nos eventos patrocinados pela Playboy (originalmente nas boates da marca Playboy,1 criada pelo jornalista Hugh Hefner, em 1953), autorizadas a usar a roupa oficial (a notória Bunny Custom), passando ainda por um treinamento de comportamento e "manobras" para servir alguém na mesa ou em eventos específicos. Tais treinamentos legitimam-se na medida em que há registros de ocorrências constrangedoras promovidas por participantes que se excedem durante fotos e abordagens.2 Por vezes chegam a ser capas das edições da revista, como em dezembro de 2008, por exemplo, da Playboy Brasil.

Ex-Coelhinhas dos Estados Unidos[editar | editar código-fonte]

Coelhinhas oficiais do Brasil[editar | editar código-fonte]

  • Thaíz Schmitt
  • Márcia Spézia
  • Ana Lúcia Fernandes

Veja Também[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Coelhinha

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Referências