Concurso das Panteras

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Concurso das Panteras foi um evento ligado ao Carnaval do Rio de Janeiro que elegia as mulheres mais belas, então candidatas a "Pantera", título cunhado pelo colunista Ibrahim Sued.[1] O concurso foi criado por Ricardo Amaral, empresário conhecido por "Rei da Noite Carioca", que também já foi um dos grandes colaboradores da Revista Playboy no Brasil. Tal fato esclarece a proximidade existente entre as eleitas do concurso e as capas da revista. José Reynaldo, mais conhecido como "Zé Reynaldo", era o responsável pela coordenação do evento, mas criou posteriormente o concurso "Felinas", cujas candidatas também figuraram em diversas capas de revistas masculinas. Dentre outras inúmeras celebridades, Xuxa Meneghel foi a primeira ganhadora do concurso, em 1981, cerca de uma semana de conhecer Pelé, com quem teve longo relacionamento.[1]

Histórico[editar | editar código-fonte]

A maior parte das vencedoras do concurso, que se estendeu de 1981 até meados da década de 2000, acabou figurando em capas da revista Playboy. Cláudia Lúcia Cunha, foi capa em julho de 1984, Vera Lúcia Guimarães em abril de 1985 e Débora Soares em abril de 1986. A pantera de 1987, Tânia Corrêa, foi capa da Playboy em junho de 1987 e dezembro de 1990, mas já tinha posado nua para a revista Status em dezembro de 1984. As outras capas que saíram do concurso: Ana Lima em abril de 1989, Sônia Campos em junho de 1990, Andréa Guerra em setembro de 1991, Cristina Mortágua em maio de 1992, Kelly Cristina em abril de 1993, Núbia de Oliveira em junho de 1993, Luciana Pereira em maio de 1995, Alessandra Matos em julho de 1998 e Vanessa Lombardi em junho de 1999.

Vencedoras[editar | editar código-fonte]

Referências