Coraixitas

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Os coraixitas[1] (em árabe: قريش, transl. quraysh) eram os integrantes da tribo árabe dominante na cidade de Meca durante o surgimento do islamismo. Era a tribo à qual pertencia a linhagem de Maomé, assim como a primeira a liderar uma oposição inicial à sua mensagem.

Seu nome árabe costuma ser transliterados em caracteres latinos de diversas maneiras, como Qoraish, Quraysh, Koraich, Qurays, entre outros.

A tribo era a responsável e guardiã da Caaba e de seus peregrinos, que reuniam-se anualmente neste local, vindos de diferentes locais do Oriente Médio, e realizavam cultos e oferendas religiosas a vários deuses. Este local acabou sendo um consenso entre as fragmentadas tribos árabes daquela época.[2]

Quadro genealógico[editar | editar código-fonte]

Ka`b
┌────────── ───────────
Adi Murra
┌────────── ┴────────── ───────────
Rizah Taym Kilab
Qort Sa`d Qusay
`Abd Allah Ka`b `Abd Manaf
┌──────────
Riyah `Amru `Abd Shams Háshim
`Abd al-`Uzza Amir Umayya `Abd al-Muttalib
┌────────── ├─────────── ┬────────── ┬────────── ┬──────── ┬───────
Nufayl Abu Qu`hafa Abu l-`As Harb `Abbas `Abd Allah Abu Tálib Al-Harith Abu Lahab Hamza
Khattab Abu Bakr Afan Abu Sufyan Muhammad Muhammad Ali Abu Sufyán
Omar Aisha Otman Omíadas Abássidas

Referências

  1. Machado, José Pedro. Dicionário Onomástico Etimológico da Língua Portuguesa, verbete "coraixitas".
  2. Apresentando o islam Islamismo.org. Visitado em 21 de janeiro de 2009.