Dbx

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Dbx é um depurador de código-fonte baseado em Unix, encontrado principalmente nos sistemas operacionais Solaris, AIX, IRIX e BSD Unix. Ele provê depuração simbólica para programas escritos em C, C++, Pascal e Fortran, entre outras. Sob dbx, os programas podem ser executados passo-a-passo, tanto no código-fonte, quanto em instruções de máquina. Além de permitir acompanhar as operações do programa, suas variáveis podem ser manipuladas e visualizadas, usando-se um conjunto amplo de expressões e recursos.

O dbx foi criado na Universidade de Berkeley, por Mark Linton. E foi obtido pelos varios vendedores que licenciaram o BSD Unix. A partir daí, tem evoluído em diferentes versões. Por exemplo:

  • o dbx é oferecido nos sistemas z/OS da IBM, no componente UNIX System Services. O dbx para z/Os pode depurar programas escritos em C e C++. Quando parte do z/OS V1R5, o dbx pode depurar programas escritos no formato de depuração DWARF. Além disso, o z/OS V1R6 incluiu a depuração de programas de 64 bits;
  • o dbx é parte do produto Sun Studio da Sun Microsystems. O Sun Studio executa em Solaris e muitas de suas ferramentas estão disponíveis também para Linux -- inclusive o dbx. A versão do dbx para Sun Studio suporta programas compilados tanto com os compiladores próprios, quanto gerados com os compiladores C e C++ da GNU Compiler Collection, respectivamente gcc e g++.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre Informática é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.