Dominância incompleta

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Este artigo não cita fontes fiáveis e independentes. (desde maio de 2014). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

A Dominância Incompleta, ou Herança sem dominância ou Dominância intermediária é o termo utilizado pelos geneticistas para descrever situações em que o fenótipo dos indivíduos heterozigóticos é intermediário, em termos quantitativos, entre os fenótipos dos dois homozigóticos, ou seja, quando não há relação de dominância e recessividade entre os alelos de um gene responsável por uma característica, surge no heterozigoto um fenótipo intermediário. Ocorre em indivíduos heterozigóticos que apresentam fenótipos intermédios entre os seus progenitores de linhagens puras, isto acontece porque uma única copia do gene funcional não ser suficiente para assegurar o fenótipo, em outras palavras a expressão gênica de um único gene não é suficiente para produzir uma quantidade mínima de enzima, por exemplo.

Exemplos[editar | editar código-fonte]

A seguir, dois exemplos de casos que caracterizam dominância incompleta:

Flor maravilha (Mirabilis sp)[editar | editar código-fonte]

Uma flor maravilha (Mirabilis jalapa) pode ter como cor das pétalas quando em homozigose, vermelha ou branca. O cruzamento de linhas puras dos dois tipos origina uma flor com características intermédias ao dos progenitores, ou seja, originam flores de cor rosa. Isto acontece porque a expressão gênica de um único alelo para pétalas vermelhas, não é capaz de produzir uma quantidade de enzima, que catalisará reações químicas que resultarão em pigmento vermelho, o suficiente para dar a pétala a cor vermelha; a pouca quantidade de pigmento vermelho origina a cor rosa.

Esquema no Quadro de Punnett,exemplo abaixo mostra como fica o cruzamento entre a flor vermelha(VV) e a flor branca(BB) na F1:

VV(Vermelho) x BB(Branco)
Gametas V V
B VB VB
B VB VB
Proporção
100% Rosa

Esquema no Quadro de Punnett,exemplo abaixo mostra como fica o cruzamento entre as flores rosas (VB)x(VB) na F2 e suas proporções:

VB(Rosa) x VB(Rosa)
Gametas V B
V VV VB
B VB BB
Proporção
1/4 VV 25% Vermelho
2/4 VB 50% Rosa
1/4 BB 25% Branco

Galinhas andaluzas[editar | editar código-fonte]

Outro exemplo de dominância incompleta é a cor da plumagem em galinhas da raça andaluza. O cruzamento de aves de uma linhagem pura de plumagem preta com aves puras de plumagem branca produz descendentes de plumagem cinza-azulada. Quando indivíduos cinza-azulados são cruzados entre si, obtém-se três tipos de descendentes, na seguinte proporção: 1 com plumagem preta; 2 com plumagem cinza-azulada; 1 com plumagem branca.

Explicação[editar | editar código-fonte]

Cada gene é um segmento de DNA que contém informações para síntese de um polipeptídeo ou proteína. Geralmente tais proteínas serão enzimas e terão por função catalisar reações no organismo vivo. No caso de homozigose estarão disponíveis um par de genes que formarão enzimas para certa característica. No caso de heterozigose haverá apenas um gene disponível, porém como o organismo precisa de poucas enzimas para catalisar tal reação o fenótipo ainda prevalecerá.

No caso dos genes recessivos a proteína/enzima sintetizada não funcionará corretamente, dando todo o espaço necessário para o gene dominante possa agir e determinar o fenótipo.

Em um indivíduo com par de genes recessivos não haverá catalisação satisfatória, originando um fenótipo diferente.

Um indivíduo homozigótico, sendo portador de dois alelos funcionais, tem em suas células o dobro de produtos gênicos de um indivíduo heterozigótico, que possui apenas um alelo funcional.

Logo, no momento em que uma planta maravilha (Mirabilis sp) heterozigota produz um gene para ausência de cor (que, quando em homozigose, tornará a flor branca) e outro que produzirá somente metade da pigmentação vermelha comum aos homozigóticos tal flor será rósea.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Codominância

Ícone de esboço Este artigo sobre Genética é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.