Dose

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Este artigo não cita fontes fiáveis e independentes. (desde maio de 2010). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

Uma dose é uma quantidade de algo (químico, físico ou biológico) que biologicamente poderá ter impacto num organismo; quanto maior a quantidade, maior a dose.

Na nutrição, o termo é normalmente aplicado à quantidade de um nutriente específico presente num dado alimento, refeição ou suplemento dietético, ou na dieta de uma pessoa.

Em medicina, o termo é geralmente aplicado à quantidade de um fármaco administrado para fins terapêuticos.

Em toxicologia, dose pode referir-se à quantidade de uma substância nociva (tal como um veneno, carcinógeno, mutagênico ou teratógeno) a que um organismo é exposto.

Em agroquímica é a quantidade de produto que deve ser distribuída por hectare de terreno, normalmente é referida ao hectare (L ou kg/ha).[1]

Referências

  1. AgrEvo, Manual de Protecção de Plantas.

Notas

Ícone de esboço Este artigo sobre farmácia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.