Equação química

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Equação química é a representação simbólica de uma reação química, onde as substâncias são representadas por fórmulas químicas. Em uma equação química, as substâncias que reagem são chamadas reagentes, as substâncias formadas são denominadas produtos. Os reagentes e os produtos são separados por uma seta, que por sua vez indica a direção da reação. Por convenção, os reagentes ficam do lado esquerdo da seta e os produtos no lado direito.

C(s) + O2(g) → CO2(g)[editar | editar código-fonte]

Na existência de mais de uma substância como reagente ou produto, as substâncias são separadas pelo sinal de soma (+), indicando que os reagentes precisam estar obrigatoriamente em contato para que a reação ocorra e que os produtos sejam formados simultaneamente.

Na escrita de uma equação química deve ser informado o estado físico que cada substância se encontra na reação. O estado sólido é representado pela letra:s, o estado líquido pela letra: l e o estado gasoso é representado pela letra g. Essa proporção é representada pelos coeficientes estequiométricos, que são os números que aparecem na frente da fórmula. Cabe ressaltar que quando o coeficiente for o número um, o mesmo não é indicado.

Lei de Lavoisier[editar | editar código-fonte]

Um químico francês muito conhecido chamado Lavoisier elaborou uma lei denominada "Lei da conservação da massa", que pode ser resumida em uma frase muito famosa:

"Na natureza, nada se cria, nada se perde, tudo se transforma."

Se nós aplicarmos essa frase na equação química da produção da água descrita abaixo, vamos observar que existem dois átomos de oxigênio no lado dos reagentes e apenas um no lado dos produtos, ou seja, um oxigênio ficou perdido. Isso significa que a equação não está completa, pois não obedece à Lei de Lavoisier.

Para solucionar esse problema podemos multiplicar o hidrogênio por dois, assim teremos quatro hidrogênios, e, depois, multiplicarmos a água também por dois, ficando com duas águas.

2H2 (g) + O2 (g) = 2 H2O (l)

Dessa forma conseguimos aplicar a teoria de Lavoisier. Portanto, podemos dizer que essa equação está balanceada, porque contém o mesmo número de átomos de cada elemento em ambos os lados da equação.. equação também foi formado porque precisavam de números para a ciência.

Ver também[editar | editar código-fonte]