Equação termoquímica

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Uma equação termoquímica, também chamada de fórmula termoquímica, é uma forma de se representar uma reação química, semelhante a uma equação química comum, que informa a variação de entalpia resultante do processo, a pressão e a temperatura ambiente, podendo informar também os estados físicos dos reagentes e produtos. Quando não são informadas a pressão e a temperatura, considera-se as condições ambiente (também chamada de estado ou condição padrão de uma substância), onde pressão = 1 atm e temperatura = 25ºC, ou 298K. Exemplo de reação termoquímica:

\begin{matrix}
{\begin{matrix}\frac{1}{2}\end{matrix}{O_2}_{(g)} + {H_2}_{(g)} \rightarrow {H_2O}_{(g)}} &
{\Delta H = -240\ kJ/mol}
\end{matrix}\,\!
\begin{matrix}
2R \rightarrow 2P & \Delta H = 2x
\end{matrix}\,\!

O sinal da entalpia determina a quantidade de energia absorvida ou liberada pela reação. Uma entalpia positiva mostra uma reação endotérmica, que absorve energia. Uma entalpia negativa mostra uma reação exotérmica, que liberta energia.

Notação alternativa[editar | editar código-fonte]

A notação padrão de fórmulas termoquímicas é a seguinte:

\begin{matrix}
Reagentes \rightarrow Produtos & \Delta H = Energia
\end{matrix}\,\!

Há também uma notação alternativa:

  • Para as reações endotérmicas: Reagentes + Energia \rightarrow Produtos\,\!
  • Para as reações exotérmicas: Reagentes \rightarrow Produtos + Energia\,\!

Soma de reações termoquímicas[editar | editar código-fonte]

Da mesma forma que se faz em reações químicas comuns, é possível somar reações termoquímicas para eliminar coeficientes. Quando é necessário inverter uma reação, é necessário também inverter o sinal da variação de entalpia.

Exemplo:

\begin{matrix}
A \rightarrow D & \Delta H = x
\\
B + D \rightarrow C & \Delta H = y
\end{matrix}\,\!
Somando essas equações, obtém-se uma terceira:
\begin{matrix}
A + B \rightarrow C & \Delta H = x + y
\end{matrix}\,\!